conecte-se conosco

BABahiaCECearáFortalezaFred FigueiroaPESérie ASport

Torcer por quem? Série A – Rodada 23

Publicados

em

O Torcer Por Quem da 23a rodada começou com as duas primeiras “missões” já concluídas. Na quarta-feira, o Botafogo foi derrotado pelo Atlético/MG e o Coritiba perdeu em casa para o Corinthians – que, aos poucos, vai demonstrando um ritmo regular de pontuação que tende a tirá-lo deste bloco de risco – que vai do 9 ao 20 colocado. O chamado de Z12. Os dois resultados foram os ideais para os quatro clubes do Nordeste na Série A. Ainda que, para Bahia e Fortaleza, o empate no Couto Pereira teria o lado positivo no foco da disputa pelas posições intermediárias. Mas esta, digamos, é a próxima página deste Brasileiro. Por enquanto, o objetivo principal segue o da sobrevivência e construção de margem segura para o Z4. 

Na quinta-feira, foi a vez do Fortaleza entrar em campo e o empate diante do Goiás, no Castelão, era o segundo resultado ideal para os outros três clubes da região. A derrota, naturalmente, era o primeiro. Isso porque o lanterna do Brasileiro já entrou naquela fase em que se deve torcer por ele nos “antigos” confrontos diretos. Afinal não há como chamar de confronto direto uma partida em que os times estão separados por 13 pontos.

Esta será uma rodada quase sem confrontos diretos e, por isso, só vai existir algum dilema do resultado ideal para cada clube do Nordeste na partida entre Vasco x Ceará. 

Palmeiras x Athletico/PR

Bahia, Fortaleza, Ceará e Sport: Palmeiras – O Athletico/PR, “pra variar”, engatou mais uma reação na Série A. Quatro vitórias consecutivas viraram completamente a chave de um time que começava a criar raízes no Z4. Se fosse um jogo do Athletico contra o Vasco ou o Atlético/GO, por exemplo, já cravaria que o ideal para os nordestinos seria a vitória do Furacão. Acima até do empate. Mas em um jogo contra um adversário do “outro campeonato”, naturalmente o ideal é a derrota do clube paranaense. 

Santos x Sport

Bahia, Fortaleza e Ceará: Santos – Um dos jogos fundamentais da rodada para todos os envolvidos na luta contra o rebaixamento. O Sport perdeu dois confrontos diretos em casa e despencou da 9a para a 16a posição. Pela fragilidade técnica, é hoje o maior candidato para fechar o Z4. Quanto maior a crise rubro-negra, mais tranquilidade os outros clubes da região terão em suas partidas. Tendência do Sport retornando ao seu sistema de jogo extremamente fechado. O único que lhe dá alguma competitividade. 

Bahia x São Paulo

Fortaleza, Ceará e Sport: São Paulo – O Bahia conseguiu reagir e mudar de faixa na classificação. Mas este momento de ascensão foi parado por uma goleada do Red Bull Bragantino, que deixou o Tricolor pressionado a obter uma pontuação superior a do primeiro turno neste recorte da tabela que definimos como “corredor polonês”. Óbvio que, para os adversários diretos, o ideal é a vitória do São Paulo. Pela matemática básica e pela maior incidência de pressão nos jogos seguintes. O próximo, aliás, será contra o Ceará. 

Atlético/GO X Inter

Bahia, Fortaleza, Ceará e Sport: Inter – A vitória sobre o Sport na Ilha do Retiro deu uma nova injeção de oxigênio para o time goiano, que começava a dar sinais de que desceria ao Z4. Esta é uma partida crucial, sobretudo, para o Sport. Neste momento, os dois clubes e o Vasco são os que habitam a disputa mais direta – e de menor potencial técnico – pela permanência. Matematicamente inserido neste contexto mais dramático, o Ceará também seria muito beneficiado por uma eventual vitória do Inter – que, no entanto, atravessa seu pior momento no campeonato. Jogo importantíssimo.

Vasco x Ceará 

Bahia, Fortaleza e Sport: Empate – Esta é a única partida da rodada onde paira alguma dúvida entre dois resultados. No caso, empate ou vitória do Ceará. Considerando o potencial técnico dos dois times, torcer pelo Vozão faria algum sentido – sobretudo para o Sport. É uma equipe que demonstra mais capacidade de pontuação dentro das partidas, mesmo contra adversário do primeiro degrau da Série A. Porém já se foram 22 rodadas e o Ceará segue preso na faixa de risco. Isso define de vez a questão pelo empate. Naturalmente, uma eventual vitória vascaína é o pior dos cenários. Há um esboço de evolução no desempenho (sobretudo defensivo) e maior competitividade na equipe carioca. Uma vitória injetaria confiança.

Fluminense x Red Bull Bragantino

Bahia, Fortaleza, Ceará e Sport: Fluminense. Assim como Corinthians, Athletico e Bahia, o RB Bragantino também mudou de faixa de classificação e dá sinais de que pode descolar de vez da área de maior risco. Porém tem um histórico de atuações fracas e uma defesa vulnerável. O que o mantém sob alerta. Uma sequência ruim de resultados pode devolvê-lo para as posições de baixo. Este é um jogo onde qualquer ponto da equipe de bragança está fora da projeção básica.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending