conecte-se conosco

ALBACEMAPEPIRNSESérie DÚltimas

Treze nordestinos em campo buscando vaga na 3ª fase da Série D

Publicados

em

Treze clubes nordestinos voltam a campo neste fim de semana para definirem seus futuros na Série D do Campeonato Brasileiro, com os confrontos de volta do mata-mata da segunda fase. Para as oitavas de final, a região pode ter, no mínimo, quatro representantes, já que serão quatro duelos entre equipes do Nordeste, e no máximo nove equipes classificadas. 

Para ficar por dentro de tudo o que estará em jogo sábado e domingo, o NE45 traz um raio-x das partidas que irão acontecer, com situações bem distintas entre os times.

Sábado

15h
Bragantino-PA x Juventude-MA (ida 1 a 1)

Confronto completamente em aberto após o empate no jogo de ida, em São Mateus do Maranhão. O clube que vencer, avança. Nova igualdade leva a decisão para os pênaltis. Para a partida, o experiente técnico Leandro Campos (ex-ABC, América-RN, Paysandu, entre outros) terá o importante retorno do volante Rômulo e do meia Ancelmo, que ficaram durante longo tempo no departamento médico. Atuando fora de casa nesta Série D, a equipe maranhense conseguiu três vitórias, um empate e três derrotas.

15h
Itabaiana x Floresta (ida 1 a 2)

Após vencer a partida de ida, o Floresta, do técnico Leston Júnior (ex-Santa Cruz e CRB)  joga por um empate para manter vivo o sonho do acesso à Série C. Vantagem que se mostra ainda mais interessante quando se for levado em consideração o desempenho da equipe cearense fora de casa nesta Série D. Em sete jogos, foram apenas duas derrotas (para América-RN e Afogados), com três empates e duas vitórias.

Mas o Itabaiana também tem um histórico positivo para se apegar. Isso porque a equipe está invicta atuando no estádio Etelvino Mendonça neste Brasileiro, com cinco vitórias e dois empates. E em três desses triunfos, a vantagem foi superior a um gol, o necessário para avançar de fase. Caso o time sergipano vença por margem de um tento, a decisão vai para os pênaltis.

O vencedor do confronto entre Bragantino-PA e Juventude enfrenta quem avançar de Itabaiana e Floresta.

15h30
ABC x Globo-RN (ida 1×2)

Um duelo potiguar que promete fortes emoções. Após a derrota no jogo de ida, o ABC precisa de um triunfo por dois gols de diferença no Frasqueirão para se manter vivo na Série D. Para isso, a equipe do técnico Francisco Diá contará com sua força máxima, com os retornos do zagueiro Vinícius Leandro e do meia Vinícius Paulista, ambos recuperados da Covid-19. Atuando em casa neste Brasileiro, o alvinegro tem quatro vitórias (duas delas por diferença acima de um gol), dois empates e uma derrota.

Já o Globo, que joga por uma igualdade, não tem um retrospecto tão animador quando atua longe dos seus domínios. Nesta Série D, foram três derrotas (duas delas por diferença acima de um gol), três empates e apenas uma vitória. Nesta temporada, as duas equipes se enfrentaram no Frasqueirão pelo Campeonato Potiguar, com vitória do ABC por 2 a 0. 

16h
Goiânia x Atlético de Alagoinhas-BA (ida:1 a 1)

Atual vice-campeão baiano, o Atlético de Alagoinhas vai ser mais um nordestino a ter que buscar sua classificação com uma vitória fora de casa. Para isso, o clube contratou o técnico Barbosinha, que fará sua estreia contra o Goiânia. No retrospecto da equipe como visitante nesta Série D, três vitórias, dois empates e apenas duas derrotas. Uma nova igualdade no estádio Olímpico leva a decisão para os pênaltis. Quem avançar pega o vencedor do duelo entre Novorizontino e Cascavel.

Domingo

15h
América-RN x Coruripe (ida: 0 a 1)

Após uma campanha tranquila na primeira fase, o América-RN viu sua situação complicar na Série D após perder o jogo de ida para o Coruripe, no interior de Alagoas. Porém, confiança não está em falta no Mecão, que se apega ao ótimo retrospecto na Arena das Dunas para reverter a situação (se classifica direto com uma vitória por dois gols). No estádio, em sete jogos na primeira fase, foram quatro vitórias, dois empates e apenas uma derrota. E das partidas que venceu, três foram por diferença superior a um gol.

Já o Coruripe terá que fazer o inverso e contrariar as estatísticas. Isso porque, nos sete jogos que fez como visitante nesta Série D, o time alagoano não venceu nenhum, com três empates e quatro derrotas. Todas por uma desvantagem acima de um gol, o que, caso se repita, significará a eliminação.

Assim como o rival ABC, América-RN precisa de vitória por dois gols de diferença (foto: Canindé Pereira/América FC)

15h45
Altos-PI x Rio Branco (ida: 2 a 0)

De todos os nordestinos, o que tem a vida mais tranquila é o Altos. Após boa vantagem na partida de ida, no Acre, a equipe piauiense pode até perder por um gol de diferença, em casa, que segue na Série D. O clube piauiense foi o único a vencer como visitante o primeiro jogo. Além disso, o Altos defende um ótimo retrospecto atuando no estádio Felipão. Em sete confrontos no estádio durante a Série B, foram seis vitórias e apenas uma derrota, para o São Raimundo-RR por 1 a 0, na estreia da competição, em setembro.

16h
River x Galvez (ida: 0 a 0)

Outro representante do Piauí na disputa, o River terá que suar um pouco mais para conseguir a classificação após o empate sem gols no Acre. O Galo, no entanto, entra em campo mais aliviado após espantar o fantasma do rebaixamento no campeonato estadual. Além disso, atuando no Albertão nesta Série D, o retrospecto é altamente positivo. São cinco vitórias, um empate e apenas uma derrota.

18h
Fast x Moto Club (ida: 2 a 2)

Após ceder o empate ao Fast nos acréscimos do jogo de ida, em São Luís, o Moto Club vai precisar vencer na Arena da Amazônia para se classificar de forma direta. Algo que, atuando fora de casa, só conseguiu uma vez nesta Série D, em sete jogos (2 a 0 sobre o São Raimundo-RR). Foram ainda três empates e três derrotas. Para completar, o técnico Marcinho Guerreiro, que substituiu Léo Gaúcho demitido na última segunda-feira, não terá sete jogadores diagnosticados com a Covid-19. 

Sem sete jogadores com Covid-19, Moto vai buscar classificação fora de casa contra o Fast (foto/Divulgação/Moto Clube)

19h
Salgueiro x Vitória da Conquista (ida: 3 a 4)

Para fechar o domingo, o Salgueiro, atual campeão pernambucano, vai precisar vencer o Vitória da Conquista por dois gols de diferença para avançar de forma direta. O detalhe é que a situação poderia ser bem pior, já que na partida de ida o Carcará chegou a estar perdendo por 4 a 1. Atuando no Cornélio de Barros, a equipe conseguiu cinco vitórias, um empate e uma derrota. Desses triunfos, três foram por diferença superior a um gol.

Já o Vitória da Conquista, que precisa apenas de um empate, também tem um histórico positivo para se apegar, uma vez que nesta Série B venceu três jogos, empatou dois e perdeu dois como visitante. O detalhe é que as duas derrotas foram pela margem mínima de um gol, que caso se repita, levará a decisão para os pênaltis.

Foto: Rennê Carvalho/ABC F.C.

Continue lendo
2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending