conecte-se conosco

ALSESérie BÚltimas

CRB aproveita erros, vence e ultrapassa Confiança na Série B

Após primeiro tempo morno, etapa complementar foi mais agitada e o Galo da Pajuçara levou a melhor

Foto: Brasileirão, via Célio Júnior/ AGIF

Publicados

em

Em um jogo muito disputado, especialmente no primeiro tempo, o CRB aproveitou os vacilos do Confiança, foi cirúrgico e venceu na noite desta sexta-feira no estádio Rei Pelé. Os gols regatianos foram de Reginaldo Júnior, aos dois minutos da etapa complementar, após erro grotesco do Dragão, e de Wesley, no fim do jogo, aproveitando contra-ataque, em duelo válido pela 33ª rodada da Segundona.

VÍDEO: assista aos gols da vitória do CRB sobre o Confiança, no Rei Pelé

E agora?

Com o resultado, o Galo da Pajuçara ultrapassou o Dragão, indo aos 43 pontos e deixando o time sergipano com 42, nas 12ª e 13ª colocações da Série B. Na sequência da Segundona, o CRB entra em campo nesta segunda, novamente no Rei Pelé, contra o Guarani. O Confiança, por sua vez, encara o Operário, no Batistão, também nesta segunda.

Posse de bola: CRB 42% x 58% Confiança
Finalizações: CRB 14 x 10 Confiança
Finalizações no gol: CRB 4 x 3 Confiança
Passes certos: CRB 245 (72%) x 357 (77%) Confiança
Faltas: CRB 18 x 16 Confiança
Desarmes: CRB 16 x 15 Confiança
Defesas do goleiro: CRB 3 x 2 Confiaça
– Fonte: Sofascore

Primeiro tempo brigado e sem emoção

Ambos os times fizeram uma etapa inicial fraca. O confronto foi muito concentrado no meio, brigado, com erros de passes, mas poucas chances e emoções. Os únicos lances de mínimo perigo saíram do lado do CRB e de forma ocasional. Primeiro, aos 31 minutos, após um bate-rebate na área, Lucão girou e, sem ângulo, chutou para fora. Pouco depois, Regis, finalizou, de muito longe, para defesa de Jean. E foi só.

Etapa complementar diferente

O segundo tempo foi completamente diferente do marasmo da etapa inicial e teve um gol logo aos dois minutos, a partir de uma trapalhada. Desmarcado na zaga, Matheus Mancini recebeu passe e, último homem, não conseguiu dominar (a bola passou por debaixo do pé). Sem controle, viu a posse escapar e perdeu na velocidade para Reginaldo Júnior, que, livre, entrou cara a cara e só teve o trabalho de deslocar Jean e abrir o placar para o Galo da Pajuçara.

Confiança melhora

Em desvantagem, o Dragão fez mudanças ofensivas e teve uma leve melhora, dando sinais no jogo e conseguindo as primeiras finalizações no jogo, algo que não tinha feito na etapa inicial. o CRB, por sua vez, buscou administrar mais o jogo, sem se expor tanto e valorizando mais a posse de bola.

Reta final animada

Precisando do gol, o Dragão foi com tudo para cima na reta final do duelo e conseguiu a melhor chance com Moritz, aos 39 minutos. O meio recebeu a bola na grande área e chutou para ótima defesa de Edson Mardden – a primeira dele no jogo. O Confiança seguiu pressionando e parecia que poderia chegar ao empate. Porém, só parecia. Pouco depois, em contra-ataque três contra dois do CRB, Wesley recebeu em profundidade, limpou a marcação e bateu para ampliar e dar números finais ao jogo.

Trending