conecte-se conosco

PESérie ASportÚltimas

Após repercussão, Sport explica quadro de Adryelson contra o Inter

Zagueiro revelou ter atuado doente; clube detalhou quadro e reiterou teste negativo para Covid-19

Foto: Anderson Stevens/ Sport Recife

Publicados

em

Após a vitória por 2 a 1 do Sport sobre o Internacional, na noite da última quarta-feira, repercutiu bastante um vídeo feito pelo zagueiro Adryelson, ainda nos vestiários, comemorando o triunfo. Isso porque, na publicação, o prata da casa exaltou a superação na partida – onde teve grande atuação -, revelando ter jogado doente.

VEJA MAIS: Confira aqui outras notícias do Sport
LEIA: De olho em venda futura, Sport negocia extensão de contrato com Adryelson: ‘Encaminhada’

“Doente, com febre, dor de garganta, corpo mole, mas eu não deixo de lutar por esse time. Vamos, nação. A Série A é o nosso lugar”, disse o jogador.

E depois de o vídeo viralizar nas redes sociais, o Sport se posicionou, através do departamento médico, no fim da tarde desta quinta-feira, esclarecendo a situação do jogador e reiterando que o exame de Covid-19 de Adryelson deu negativo, além de o clube ter seguido os demais protocolos preventivos ao vírus.

“Em relação ao caso Adryelson, o atleta, na terça-feira, apresentou uma dor na garganta onde foi prontamente avaliado e constatamos uma amigdalite bacteriana. O atleta foi medicado e na quarta-feira, no dia do jogo, ele já estava bem mais disposto, menos desconforto, apto para a partida. Foi realizado o teste de Covid-19, onde deu negativo, e no próprio estádio, antes de entrar, toda a comissão e os atletas foram avaliados com termômetro”, iniciou Diego Pires, médico do Sport.

“E ele não tinha febre. Ele não teve febre em dia nenhum. Talvez aquela sensação de moleza na terça, mas depois que foi medicado, foi para o jogo totalmente apto para a partida, tanto é que conseguiu jogar os 90 minutos, além dos acréscimos, sem nos preocupar” acrescentou.

Em campo, Adryelson foi um dos melhores do Sport. De acordo com o portal estatístico Sofascore, o zagueiro teve 15 cortes, três interceptações e dois bloqueios para chutes, além de ter ganho cindo divididas de sete.

Com a vitória, aliás, o Leão ficou mais perto de garantir a permanência na Série A, indo aos 41 pontos e abrindo quatro para o Vasco, primeiro time da degola. Segundo a UFMG, a ameaça de queda do Sport é de 1%.

Trending