conecte-se conosco

ALCRBÚltimas

Após uma década, CRB tem novo presidente, com Mário Marroquim eleito por quatro anos

Foto: Divulgação

Publicados

em

Após dez anos, o CRB tem um novo presidente executivo. Por aclamação junto ao Conselho Deliberativo, o engenheiro civil Mário Marroquim, de 54 anos, foi eleito na noite desta sexta-feira como o novo mandatário do clube para um mandato de quatro anos, com possibilidade de reeleição. O dirigente toma posse no dia 1º de abril. Encabeçando a chapa “Avante, Galo!”, Marroquim substitui Marcos Barbosa, que assumiu a presidência em 2011.

Em sua primeira entrevista como presidente eleito, o dirigente elogiou o trabalho do técnico Roberto Fernandes e afirmou que o grande objetivo do clube para a temporada é conseguir o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro. Se possível, com o título da Série B. O CRB não disputa a Primeira Divisão do futebol nacional desde 1984 e vem pressionado pelo acesso do rival CSA em 2018. Feito que quase é repetido no ano passado (terminou em 5º).

“Nosso treinador Roberto Fernandes foi também indicado por nós e tem todo crédito, toda a confiança. Em momento algum a gente pensou em colocar um treinador diferente dele. Este ano teremos a Série B mais difícil dos últimos anos. Temos sete ou oito equipes de alto nível, com possibilidade de disputar a Série A. E, evidentemente, a gente vai lutar pela Série A também, porque acho que o CRB hoje se destaca no cenário brasileiro como um dos grandes clubes. E sempre o CRB vai brigar pelo título, não só pelo acesso. Pode não acontecer, mas a gente vai lutar por ele” afirmou. 

Antes da Série B, o Galo está em disputa no Campeonato Alagoano  (busca o bicampeonato), além da Copa do Nordeste (enfrenta neste sábado o Sport, pela segunda rodada) e da Copa do Brasil (estreia no dia 17, contra o Goianésia, fora de casa).

O novo mandatário alvirrubro afirmou ainda que não fechou toda a sua diretoria. Porém, o departamento de futebol segue sendo comandado por Thiago Paes, que esteve à frente das contratações para esta temporada.

“Hoje, a gente tem 80% do nosso escopo administrativo montado e tem espaço de 20% a 25% que vai depender do que a gente vai encontrar no dia a dia, nas demandas pontuais. Tem um espaço dentro do nosso projeto que a gente só vai suprir após o ingresso em definitivo no clube”, explicou.

Por fim, o novo presidente também elogiou a gestão do antecessor, Marcos Barbosa. ” Hoje, a gente pega um CRB muito mais estruturado. A gente espera que essa gestão possa dar um pulo, avançando mais para a próxima gestão”, finalizou.

Trending