conecte-se conosco
CSA bateu o CRB por 1 a 0 no Alagoano CSA bateu o CRB por 1 a 0 no Alagoano

ALAlagoanoCRBCSAÚltimas

Com um a menos no 2º tempo, CSA segura placar e bate CRB no AL

Foto: Felipe Brasil/CRB

Publicados

em

Superior em praticamente toda a partida e ainda com um jogador a menos desde os 27 do segundo tempo, o CSA bateu o CRB por 1 a 0 pelo Campeonato Alagoano, no Estádio Rei Pelé. O gol do Azulão foi marcado por Bruno Mota, artilheiro do Estadual com seis tentos. Vale lembrar que as duas equipes estiveram sem seus respectivos técnicos na beira do gramado. Bruno Pivetti e Roberto Fernandes testaram positivo para covid-19 e estão cumprindo isolamento social.

Com o resultado, o CSA assumiu a liderança do Campeonato Alagoano com 15 pontos, deixando o CRB na segunda posição, com 13. As duas equipes voltam a campo na próxima quarta-feira (5). O Azulão enfrenta o CSE fora de casa, no Juca Sampaio, às 20h. Enquanto que o Galo recebe o Jacyobá no Rei Pelé, também às 20h.

Confira a tabela do Campeonato Alagoano

CSA domina os 45 minutos iniciais

O primeiro tempo começou com o CSA em cima. Em um duelo com várias divididas ríspidas, o Azulão teve maior ímpeto e aproveitou a morosidade do CRB. Logo aos quatro minutos, Norberto tabelou com Aylon e cruzou para Dellatorre, que cabeceou por cima do gol. Aos nove, foi a vez de Gabriel receber e bater com força para colocar Diogo Silva para trabalhar. O goleiro regatiano evitou novamente aos 20 minutos, ao fechar bem o ângulo de frente a Dellatorre.

Mesmo com o jogo mais equilibrado, quem seguia perigoso era o CSA. Aos 31 minutos, Marco Túlio encheu o pé e Diogo Silva, novamente, defendeu bem e colocou a bola para escanteio. O CRB demorou a se encontrar em campo e conseguiu se ajustar para diminuir os espaços que o rival encontrava, mas tinha muita dificuldade para criar jogadas.

CRB volta mais ofensivo, mas o CSA é quem marca

Precisando ajustar seu encaixe do ataque para criar mais jogadas, o CRB se lançou para frente e já levou perigo no primeiro minuto, quando Diego Torres bateu forte e a bola foi na rede pelo lado de fora. Contudo, o Alvirrubro seguiu deixando espaços e o CSA soube aproveitar depois de perder várias chances no primeiro tempo.

Aos nove minutos, Dellatorre recebeu pela esquerda e cruzou rasteiro para a pequena área. Na segunda trave, Bruno Mota apareceu livre de marcação para empurrar para as redes. A resposta do CRB aconteceu aos 11, quando Diego Torres cobrou falta, Gum desviou e Carlos Jatobá, de cabeça, mandou a bola no travessão de Darley.

Com um a mais, CRB não soube aproveitar

O Azulão passou a se resguardar mais, deixando o Galo com maior posse de bola, e buscando espaços para tentar matar o jogo no contra-ataque. Porém, a situação complicou aos 27 minutos, quando Cristovam foi expulso após tomar o segundo amarelo. O time azulino se fechou mais, baixou as linhas de marcação, e trancou o ferrolho, dificultando muito a criação – já pouco inspirada – do CRB.

A bola era tocada de um lado para o outro, alçada para a área, mas sem efetividade do Alvirrubro. E quem mais esteve perto de marcar novamente foi o CSA, com Marco Túlio, aos 35, quando ele soltou uma bomba e Diogo Silva precisou defender em dois tempos. Sem inspiração, o CRB não conseguiu ter forças para buscar o empate e o goleiro Darley pouco trabalhou até o fim do duelo.

Ficha do jogo

CSA

Darley; Norberto, Lucão, Matheus Felipe e Cristovam; Geovane, Gabriel (Marquinhos) e Bruno Mota (Patrick Brey); Aylon (Ítalo), Dellatorre e Marco Túlio (Silvinho). Técnico: Adriano Rodrigues.

CRB

Diogo Silva; Reginaldo (Luca Caio), Gum, Ewerton Páscoa (Eduardo Junho) e Guilherme Romão; Claudinei, Carlos Jatobá (Luidy) e Diego Torres; Hyuri, Calyson (Wesley) e Lucão do Break. Técnico: Fernando Alves.

Local: Estádio Rei Pelé, em Maceió-AL. Gol: Bruno Mota, aos 9′ do 2ºT (CSA). Cartões amarelos: Norberto, Cristovam e Bruno Mota (CSA); Ewerton Páscoa, Eduardo Junho e Wesley (CRB). Cartão vermelho: Cristovam (CSA).

Trending