conecte-se conosco

CEFortalezaSérie AÚltimas

Fortaleza sofre apagão no início, tenta reagir no final, mas perde para o Athletico

Foto: Robson Mafra/AGIF via site da CBF

Publicados

em

Um apagão no início levou o Fortaleza à segunda derrota na Série A do Campeonato Brasileiro. Na noite deste sábado (3), na Arena da Baixada, o Leão sofreu dois gols no início, com Terans e Matheus Babi, tentou reagir no final com Igor Torres, mas perdeu para o Athletico por 2×1.

Ainda com o início da rodada, apesar da derrota, o Fortaleza segue no 4º lugar com 15 pontos, mas pode perder posição para Atlético-MG e Flamengo. Na quarta-feira (7), o Fortaleza enfrenta o América-MG, às 18h, no Castelão. Já o Athletico assumiu a liderança com 19 pontos e terá pela frente o Santos, terça-feira (6), às 19h30, na Vila Belmiro.

Dois gols em oito minutos

O Fortaleza não conseguiu sequer mostrar a sua proposta de jogo e já estava em desvantagem. Logo no primeiro minuto, o Athletico abriu o placar. Em rápida troca de passes, Vitinho achou Terans na área, que girou sobre a defesa e chutou firme para balançar as redes.

Não houve tempo nem para a reação em busca do empate. Aos oito minutos, Thiago Heleno cabeceou e Felipe Alves salvou. No rebote, Vitinho chutou e Matheus Babi desviou para fazer 2×0. Uma desvantagem inesperada para o Fortaleza no início da partida.

O Leão teve dificuldades em todo o primeiro tempo. O Furacão ainda criou mais chances com Vitinho, que acertou a trave, Matheus Babi e Terans. Mas não chegou ao terceiro. O Fortaleza foi menos perigoso. Nas poucas oportunidades criadas, Santos defendeu nas tentativas de Matheus Vargas e Lucas Crispim.

Objetividade e gol no final

O Tricolor voltou do intervalo mais objetivo. Em dez minutos, foram três chances criadas com Yago Pikachu, Robson e Matheus Vargas. Mas todas foram para fora. Após os sustos, o Athletico conseguiu se reorganizar para administrar o resultado em grande parte da etapa complementar.

Na reta final da partida, o Fortaleza ainda conseguiu diminuir o placar. Aos 40, Éderson recebeu na área e tocou para a direita. Igor Torres dominou, chutou, a bola desviou na marcação e enganou o goleiro Santos para fazer 2×1. Porém, não houve tempo para chegar ao empate. 

Ficha do jogo

Athletico 2
Santos; Marcinho, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner Vinícius; Richard, Christian (Zé Ivaldo), Terans (Erick), Nikão (Léo Cittadini) e Vitinho (Carlos Eduardo); Matheus Babi. Técnico: António Oliveira.

Fortaleza 1
Felipe Alves; Tinga, Marcelo Benevenuto e Titi; Yago Pikachu, Ronald (Éderson), Felipe (Luiz Henrique), Matheus Vargas (Romarinho) e Lucas Crispim; Osvaldo (David) e Robson (Igor Torres). Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Local: Arena da Baixada, em Curitiba-PR.
Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Fernanda Nândrea Gomes Antunes (MG).
Gols: Terans (Athletico), ao 1 do 1ºT; Matheus Babi (Athletico), aos 8 do 1ºT; Igor Torres (Fortaleza), aos 40 do 2ºT.
Cartões amarelos: Vitinho (Athletico); Robson, Yago Pikachu e Ronald(Fortaleza). 

Ouça a partir do minuto 62′:

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados