conecte-se conosco

BACopa do BrasilÚltimasVitória

Frágil, Vitória perde em casa para o Grêmio e se complica na Copa do Brasil

Equipes voltam a se enfrentar na próxima terça-feira, em Porto Alegre

Foto: Copa do Brasil, via Staff Imagens

Publicados

em

Inofensivo, o Vitória jogou mal e perdeu por 3 a 0 para o Grêmio, na noite desta terça-feira, no estádio Barradão, pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Frouxo na defesa, o Rubro-negro sofreu gols de Ricardinho, no primeiro tempo, e Léo Pereira e Diogo Barbosa, no segundo.

E agora? 

Agora, as equipes voltam a se enfrentar na próxima terça-feira, em Porto Alegre. Para avançar de forma direta, o Leão precisa vencer por uma diferença de quatro gols – se for por três, o duelo vai para os pênaltis, enquanto qualquer outro resultado classifica o Grêmio.

O jogo? 

O Vitória iniciou a partida com uma postura precavida, onde optou por marcar em bloco baixo e deixar a bola com o Grêmio, a fim de buscar o contra-ataque. A postura, entretanto, não deu certo.

Na tentativa de ser reativo, o Rubro-negro foi, na verdade, frouxo na marcação e deixou o time gaúcho circular a bola sem dificuldades. E, inferior tecnicamente, sofreu investidas – foram 13 finalizações do Grêmio no primeiro tempo, quatro no alvo -, onde sucumbiu.

Aos 31 do primeiro tempo, após um cruzamento e bate-rebate na área, a bola sobrou no pé de Ricardinho que, de frente para a barra, só deslocou Lucas Arcanjo, que nada pôde fazer, deixando o Leão atrás do placar – em um gol que precisou de oito minutos para ser confirmado pelo VAR por suspeita de posição irregular.

Com a bola, por sua vez, o Vitória foi inofensivo. Lento e pragmático, não conseguiu contra-atacar e, muito menos, assustar, finalizando somente uma vez, já no fim, um cabeceio fraco de João Victor. Esperança de gol, Samuel mal tocou na bola.

Segundo tempo

Para a etapa complementar, Ramon Menezes fez mudanças para deixar o time ofensivo e acionou Soares e Guilherme Santos. E, logo com dois minutos, o Leão por pouco não empatou, em chute de fora da área de David, que exigiu ótima defesa de Gabriel Chapecó. Mas foi só.

Dois minutos depois, em saída de bola na defesa, Marcelo Alves deu passe errado na frente da área, a bola ficou com Grêmio e Léo Pereira entrou cara a cara para ampliar, fazendo 2 a 0.

Em desvantagem, o Leão até tentou assustar, mas esbarrou na qualidade do Grêmio, que buscou administrar o resultado e teve o controle da partida com a posse de bola. E, no fim, o Vitória ainda sofreu mais um. Em contra-ataque, Luiz Fernando avançou, driblou Lucas Arcanjo e só serviu Diogo Barbosa, que completou de cabeça, com a barra aberta, para marcar o terceiro e dar números finais ao jogo. Partida muito ruim, derrota e situação complicada para o Vitória na Copa do Brasil

Ficha 

Vitória 

Lucas Arcanjo; João Victor (Guilherme Santos), Marcelo Alves, Mateus Moraes; Cédric, João Pedro (Gabriel Bispo), Pablo Siles, Eduardo (Soares), Pedrinho (Roberto); Samuel e David (Ygor Catatau). Técnico: Ramon Menezes 

Grêmio 

Gabriel Chapecó; Vanderson, Ruan, Rodrigues, Bruno Cortez; Lucas Silva, Darlan (Bobsin), Jean Pyerre (Pinares); Alisson, Ricardinho (Diogo Barbosa) e Léo Pereira (Luiz Fernando). Técnico:Felipão

Local: Barradão, Salvador
Cartões amarelos: Eduardo, Pedrinho (VIT)
Gols: Ricardinho, Léo Pereira (GRE)

Trending