conecte-se conosco
Confiança bateu o guarani fora de casa Confiança bateu o guarani fora de casa

ConfiançaSESérie BÚltimas

Confiança luta até o fim e vence Guarani, de virada, fora de casa pela Série B

Foto: Thomaz Marostegan/Guarani

Publicados

em

Um grande resultado que ratifica toda a luta do Confiança neste segundo turno da Série B para tentar sair do rebaixamento. Vitória de time que está vivo, que está bem, e lutará até o fim. De virada, o Dragão venceu o Guarani por 2 a 1, com gols de Neto Berola e Willians Santana. Bruno Sávio marcou para os donos da casa. O Bugre teve dois atletas expulsos no segundo tempo, de maneira correta, e os sergipanos souberam aproveitar a vantagem numérica em campo.

Com o resultado, o Confiança sobe momentaneamente para a 18ª colocação e chega aos 31 pontos. Com a terceira vitória consecutiva, a equipe proletária reduz, por enquanto, para três pontos a distância para deixar o Z4. Já o Guarani estaciona nos 46 pontos, em sétimo lugar. O Dragão volta a campo no dia 30 de outubro, às 18h45, contra o Londrina. O duelo será realizado no estádio Batistão, em Aracaju-SE. Já o Bugre pega o Sampaio Corrêa fora de casa, na quinta (28), às 19h, no Castelão, em São Luís-MA.

Confira a classificação da Série B

Jogo travado, mas pênalti bobo custa caro

A primeira etapa contou com bastante equilíbrio. Atuando fora de casa, o Confiança buscou manter uma marcação forte, anulando a criação do Guarani, que passa principalmente pelo meia Régis. Com isso, o Dragão tentava os contra-ataques, mas não tinha o mesmo aproveitamento que demonstrava na parte defensiva.

A única chegada com perigo do Confiança aconteceu aos 13 minutos, numa cobrança de falta para a área. A bola foi desviada no meio do caminho e deu trabalho para o goleiro defender. Com o jogo sem grandes emoções, o Guarani só veio aparecer bem aos 34, quando Bruno Sávio recebeu livre dentro da grande área e bateu por cima da meta. Porém, em outra falha defensiva do Dragão, o Bugre abriu o placar. Madison foi afobado em cima de Diogo Matheus, dentro da área, e derrubou o atleta do Verdão. Pênalti convertido por Bruno Sávio, aos 48.

Bugre com dois a menos, Confiança luta e aproveita

A segunda etapa começou truncada tal qual os primeiros 45 minutos, mas o Confiança era a equipe que mais buscava o jogo. O Guarani se resguardava e fechava bem as investidas. Contudo, como as disputas de bola foram ficando cada vez mais ríspidas, os donos da casa sofreram por erros próprios. Aos 20 minutos, Bruno Sávio atingiu o rosto de Madison e foi expulso. Com um a mais, o Dragão se lançou para o ataque e tentava furar a retranca adversária de toda forma.

Aos 36, outra expulsão no Bugre. O zagueiro Thales matou contra-ataque e, como já tinha amarelo, tomou o segundo e acabou saindo de campo. Com dois a mais, o Confiança foi para o tudo ou nada e conseguiu construir uma vitória enorme. Aos 45, Neto Berola foi derrubado dentro da área e o pênalti foi marcado. Ele mesmo cobrou no cantinho e empatou. Aos 48, em boa jogada trabalhada pela direita, Neto Berola invadiu a área e rolou no meio para Willians Santana. Livre de marcação, o atacante mandou rasteiro e deu números finais à partida. Resultado importantíssimo para o Dragão na luta contra o descenso.

Ficha do jogo

Guarani (1)

Rafael Martins; Diogo Matheus, Thales, Ronaldo Alves e Bidu; Bruno Silva, Rodrigo Andrade e Régis (Andrigo); Bruno Sávio, Júnior Todinho (Pablo) e Júlio César (Índio). Técnico: Daniel Paulista.

Confiança (2)

Rafael Santos; Jonathan Bocão, Nirley, Adalberto e Lucas Sampaio; Madison (Willians Santana), Vinícius Barba (Adriano) e Álvaro; Rafael Vila (Neto Berola), Lohan (Hernane) e Ítalo (João Paulo). Técnico: Luizinho Lopes.

Local: Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas-SP.

Árbitro: Rafael Traci (SC).

Assistentes: Alex dos Santos e Thiaggo Americano Labes (ambos SC).

Gols: Bruno Sávio, aos 48′ do 1ºT (GUA); Neto Berola, aos 45′ do 2ºT, e Willians Santana, aos 48′ do 2ºT (CON).

Cartões amarelos: Thales e Régis (GUA); Willians Santana (CON).

Cartão vermelho: Bruno Sávio e Thales (GUA).

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending