conecte-se conosco
Ferroviário x Nova Venécia-ES, pela Copa do Brasil Ferroviário x Nova Venécia-ES, pela Copa do Brasil

CECopa do BrasilÚltimas

Ferroviário leva virada nos acréscimos e cai para o Nova Venécia-ES na Copa do Brasil

Foto: Lenilson Santos/Ferroviário AC

Publicados

em

Uma eliminação muito amarga para o Ferroviário na primeira fase da Copa do Brasil, ainda mais porque o Ferrão tinha o resultado em mãos durante quase o jogo todo, mas desperdiçou no fim. Já nos acréscimos, levou a virada do Nova Venécia-ES aos 46 do segundo tempo e perdeu por 2 a 1 no estádio Zenor Pedrosa, na cidade de Nova Venécia-ES. Wandson abriu o placar para o Tubarão, mas os donos da casa viraram com Patrick e Carlos Vitor.

Com o resultado, o Ferroviário dá adeus à Copa do Brasil e também à cota de R$ 750 mil que poderia embolsar, caso tivesse avançado. O Nova Venécia-ES aguarda o vencedor do confronto entre União-MT e Atlético-GO. O time Coral volta suas atenções para o Campeonato Cearense, onde enfrentará o Fortaleza na próxima quarta (9), às 21h30, no Castelão. Confira, no Blog de Cassio Zirpoli, as cotas para a Copa do Brasil 2022.

Veja, no Blog de Cassio Zirpoli, as cotas da Copa do Brasil 2022

Ferroviário sai na frente, mas cede no fim

O primeiro tempo contou com o Nova Venécia-ES tentando achar o gol logo no começo, obrigando o goleiro Jonathan a fazer duas boas defesas, aos seis e aos sete minutos. Aos nove, foi a vez de Robson Alemão perder uma boa chance para o Ferroviário após saída errada do goleiro em cobrança de escanteio. A partida caiu de ritmo e só voltou a esquentar já na reta final, quando Wandson recebeu de Gabriel Silva e, com liberdade dentro da área, bateu e abriu o placar aos 39.

Na segunda etapa, o Ferrão desperdiçou a chance de ampliar logo aos três minutos, com Valderrama, quando a bola sobrou para ele na pequena área e o volante finalizou por cima da meta. O Nova Venécia-ES voltou a crescer no jogo e chegou ao empate aos 22 minutos com Patrick, de cabeça. Com o jogo aberto, os donos da casa foram para cima e chegaram à virada aos 46 minutos, através de Carlos Vitor, cobrando pênalti cometido pelo goleiro Jonathan em João Bonani. Eliminação amarga para o Ferroviário na Copa do Brasil.

Ficha do jogo

Nova Venécia-ES (2)

Harrison; Jairo, Max Miller, Lucas Tavares e Ian Silva (Ayrton); Liniker (Thomas), Dodô (Andrei), Júnior Ramos (Patrick) e Carlos Vitor; João Bonani e Gabriel Morbeck (Arthur Martins). Técnico: Cássio.

Ferroviário (1)

Jonathan; Roni, Vitão, Éder Lima e Madson (André Baumer); Robson Alemão (Renê), Valderrama (Emerson), Mauri e Gabriel Silva (Elias); Wandson e Edson Cariús. Técnico: Paulinho Kobayashi.

Local: Estádio Zenor Pedrosa, em Nova Venécia-ES.

Árbitro: Felipe da Silva Gonçalves Paludo (RJ).

Assistentes: Luiz Claudio Regazone e Thiago Rosa de Oliveira (RJ)

Gols: Patrick, aos 22′ do 2ºT, e Carlos Vitor, aos 46′ do 2ºT(NVE); Wandson, aos 39′ do 1ºT (FER).

Cartões amarelos: Júnior Ramos e Max Miller (NVE); Roni e Edson Cariús (FER).

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados