conecte-se conosco
Renato Kayzer, do Fortaleza Renato Kayzer, do Fortaleza

BACECopa do NordesteFortalezaÚltimas

Fortaleza leva susto, mas goleia Atlético-BA e vai para a semi da Copa do Nordeste

Foto: Xandy Rodrigues/Via Twitter da Copa do Nordeste

Publicados

em

O Fortaleza tomou um susto logo com um minuto de jogo, perdeu uma enxurrada de gols, tal qual a chuva que caía no Castelão nesta terça (22). Mas empatou no primeiro tempo e desencantou no segundo, goleando o Atlético-BA por 5 a 1 nas quartas de final da Copa do Nordeste. Cesinha abriu o placar para o Carcará, mas Renato Kayzer (duas vezes), Moisés, Silvio Romero e Hércules fizeram para o Leão.

Atlético-BA marca e Fortaleza erra muitas chances

O jogo começou com a intensidade lá no alto. As duas equipes buscaram o ataque para abrir o placar logo no começo. O Atlético-BA teve maior êxito nessa investida. Com um minuto de jogo, após cruzamento de Thiaguinho, Cesinha chutou e contou com desvio na marcação para bater Max Wallef.

Buscando rapidamente empatar, o Fortaleza empilhou várias chances perdidas na primeira etapa. Aos cinco, Moisés parou em defesa de Fábio Lima. Aos 13, Robson completou cruzamento chutando para fora. O Atlético-BA respondeu aos 17, quando Jerry finalizou após escanteio e Pikachu salvou em cima da linha. Na sequência, Thiaguinho bateu e o goleiro espalmou.

Aos 24, Renato Kayzer recebeu de Robson e chutou para fora, levando perigo. Mas aos 29 ele guardou. Lucas Lima cruzou, Pikachu escorou para o meio e Kayzer finalizou no contrapé de Fábio Lima. A pressão seguiu e o centroavante quase marcou de novo, mas parou em Iran, que salvou em cima da linha.

Aos 41, uma sequência incrível. Robson chutou com espaço, na entrada da área, e Fábio Lima espalmou. No rebote, livre de marcação, Moisés acertou a trave. A bola depois parou no pé de Lucas Lima, na entrada da área, e ele chutou fraco para defesa do goleiro. Aos 45, de falta, Dionísio quase desempatou, mas Max se esticou para salvar.

Fortaleza desencanta e goleia

Depois de um primeiro tempo aberto, com as duas equipes dando espaços na defesa, o Leão cansou de perder gols e o Carcará criou boas investidas no contragolpe. Mas na etapa final, o dono da casa se impôs e desandou a fazer gols. Aos sete minutos, Tinga cruzou, o goleiro afastou mal e Moisés pegou o rebote e marcou com o gol aberto.

Aos 10 minutos, em contra-ataque rápido, Lucas Lima serviu Robson sozinho, com o gol aberto, e ele conseguiu a façanha de errar o gol mais feito da partida. Mas aos 13 houve a compensação com Renato Kayzer. O centroavante recebeu passe rasteiro de Tinga e desviou para as redes.

Tinga, inclusive, foi um dos grandes destaques do Leão na partida. Apareceu bastante na defesa e também contribuiu muito ofensivamente, como nesse gol e aos 35, com Silvio Romero. Depois de cruzamento de Tinga, o argentino finalizou com a bola no ar e tornou o jogo uma goleada.

Com o Atlético-BA sem forças, o Fortaleza manteve o ritmo intenso para aumentar o placar. Pikachu perdeu cara a cara aos 41, Romarinho acertou a trave aos 44, mas Hércules não desperdiçou e fez aos 47, após rebote de Fábio Lima. Goleada e Fortaleza na semifinal da COpa do Nordeste

Ficha do jogo

Fortaleza (5)

Max Wallef; Tinga, Titi e Marcelo Benevenuto (Ceballos); Yago Pikachu, Matheus Jussa, Ronald (Hércules) e Lucas Lima (Felipe); Moisés, Renato Kayzer (Silvio Romero) e Robson (Romarinho). Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Atlético-BA (1)

Fábio Lima; Edson (Paulinho), Iran, Bremer e Matheus Leal (Caetano); Lucas Alisson (Emerson), Dionísio e Miller; Cesinha (Leandro Sobral), Thiaguinho e Jerry. Técnico: Agnaldo Liz.

Local: Arena Castelão, em Fortaleza-CE.

Árbitro: Fábio Augusto Santos Sá Júnior (SE).

Assistentes: Rodrigo Guimarães Pereira e Ailton Farias da Silva (ambos SE).

Gols: Renato Kayzer, aos 29′ do 1ºT e aos 13′ do 2ºT, Moisés, aos 7′ do 2ºT, Silvio Romero, aos 35′ do 2º T, e Hércules, aos 47′ do 2ºT (FOR); Cesinha, a 1′ do 1ºT (ATB).

Cartões amarelos: Ronald e Marcelo Benevenuto (FOR); Dionísio, Lucas Alisson e Jerry (ATB).

Público: 12.948 torcedores.

Renda: R$ 75.270.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Trending