conecte-se conosco

NáuticoPESérie BÚltimas

Série B: Náutico joga mal nos Aflitos, perde para Cruzeiro e chega ao 3º jogo sem vencer

Foto: Tiago Caldas/ Clube Náutico Capibaribe

Publicados

em

Jogando nos Aflitos, o Náutico perdeu por 1 a 0 para o Cruzeiro, neste domingo (15), e chegou ao terceiro jogo sem vencer na Série B. O gol da vitória da Raposa foi marcado pelo volante Willian Oliveira, que fez aos 38 do primeiro tempo.

Mesmo atuando em casa, o Timbu teve uma atuação ruim, pouco criativa e foi derrotado nos Aflitos. Nos três jogos da Série B pós-título Estadual, inclusive, o Náutico não venceu: perdeu para Vila Nova e Cruzeiro, além do empate com o Guarani.

E agora?

Com o resultado, o Náutico permanece com os sete pontos e na 15ª posição da Série B. Por outro lado, o Cruzeiro foi aos 16 pontos, ultrapassou o Sport e agora é líder da competição.

O Náutico volta a campo na próxima quinta-feira (19), ante o CSA, novamente nos Aflitos, em confronto marcado para 21h30. Já o Cruzeiro tem compromisso no domingo (22), ante o Sampaio Corrêa, em casa, de 11h.

Primeiro tempo

Apesar do Náutico jogar em casa, quem atuou melhor no primeiro tempo foi o Cruzeiro. Marcando pressão, a Raposa cedeu poucos espaços ao Timbu, teve mais a bola e criou as melhores oportunidades.

Pelo lado do Náutico, o Timbu conseguiu levar perigo em duas chances. A primeira foi num chute de fora do lateral-esquerdo Ailton, defendido por Rafael Cabral. A outra aconteceu com Amarildo, que recebeu um belo passe de Jean Carlos, mas não teve capricho para fazer o gol.

Pelo lado do Cruzeiro, a equipe foi chegando, inclusive obrigando Lucas Perri a fazer uma grande defesa aos 25, salvando o chute de Daniel. Melhor no jogo, a Raposa abriu o placar aos 38 do primeiro tempo.

Após uma recuperação de bola na saída do Náutico, Canesin lança Willian Oliveira, que com categoria bate por cima na saída de Lucas Perri. Até o intervalo, o Cruzeiro ainda criou outra chance, com Rafael Silva, que bateu para fora.

Segundo tempo

Na etapa final, com o Náutico precisando do gol, a equipe se soltou mais, enquanto o Cruzeiro adotou uma postura mais defensiva. O cenário do jogo, porém, não se desenhou favorável para o Timbu, que seguiu com problemas na criação.

O Náutico levou perigo com duas bolas paradas, ambas com Jean Carlos. Na primeira, o goleiro Rafael Cabral defendeu de maneira estranha, colocando para escanteio. Na segunda, o chute foi para fora.

O Náutico até chegava perto ou na área do Cruzeiro, mas a decisão final não era boa, seja na finalização, no último passe ou no cruzamento. O Timbu foi um time atrapalhado na hora de definir as jogadas.

Nos acréscimos, o Náutico atacou em finalizações de Jean Carlos e Júlio, mas não foram suficientes para evitar a derrota alvirrubra. Com o resultado, o Náutico chega ao terceiro jogo sem vencer na Série B.

Ficha do jogo

Náutico (0)

Lucas Perri; Bryan, Camutanga (Carlão), Bruno Bispo e Ailton (Thássio); Djavan, Ralph (Pedro Vitor), Raldney e Jean Carlos; Luis Phelipe (Eduardo Teixeira) e Amarildo (Júlio). Técnico: Roberto Fernandes

Cruzeiro (1)

Rafael Cabral; Zé Ivaldo (Rômulo), Oliveira e Eduardo Brock; Marcelinho (Geovane), Willian Oliveira (Adriano), Neto Moura e Rafael Santos; Fernando Canesin, Daniel Júnior (Miticov) e Rafael Silva (Luvannor). Técnico: Paulo Pezzolano

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden

Assistentes: José Eduardo Calza e Jorge Eduardo Benardi

Estádio: Aflitos, em Recife-PE

Gol: Willian Oliveira (CRU)

Cartões amarelos: Camutanga (NAU) e Bryan (NAU); Zé Ivaldo (CRU), Oliveira (CRU) e Geovane (CRU)

Cartão vermelho:

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados