conecte-se conosco
Cléber - Stephan Eliert Cléber - Stephan Eliert

CECearáCopa Sul-AmericanaÚltimas

Ceará massacra General Caballero e abre vantagem no saldo por classificação na ‘Sula’

Foto: Stephan Eilert/Ceará

Publicados

em

A Arena Castelão foi o palco de um verdadeiro massacre do Ceará pela Copa Sul-Americana nesta terça-feira. Precisando abrir vantagem no saldo de gols para o Independiente, perseguidor pela vaga na próxima fase, o Vozão aplicou uma sonora goleada no General Caballero, marcando seis gols com Wescley, Cléber (duas vezes), Mendoza, (duas vezes) e Zé Roberto.

Com o resultado, o Ceará segue com 100% de aproveitamento na Sul-Americana, com 15 pontos ganhos em cinco jogos. O Vovô agora espera o resultado da partida entre Deportivo La Guaira e Independiente, na próxima quinta-feira, para saber o que precisará fazer para garantir a vaga inédita na segunda fase do torneio.

Enquanto isso, o Ceará vira seu foco para o jogo contra o Santos, pela Série A, no próximo sábado, às 18h30, na Vila Belmiro. O próximo compromisso do Alvinegro pela Sul-Americana será justamente a decisão da vaga, diante do Independiente, na quarta-feira (25), às 21h30, em Avellaneda.

O jogo

Mesmo atuando com o time praticamente reserva, o Ceará não deu chances ao General Caballero na Arena Castelão. Apesar do time paraguaio ter feito a primeira finalização do jogo, aos dois minutos, o primeiro tempo da partida foi todo a favor do time alvinegro.

Decidido a ampliar seu saldo de gols, importante critério de desempate para a classificação no Grupo G, o Vozão começou cedo os trabalhos. Aos seis, Cléber fez o pivô após bola lançada na área e o meia Wescley acertou um belo chute rasante para abrir o placar a favor dos alvinegros.

Onze minutos depois, o Ceará chegou ao segundo gol. Wescley levantou a bola na pequena área e o goleiro Juanito Alfonso afastou de soco. Na volta, a bola sobra para o centrovante Cléber, que completa para as redes do time paraguaio.

Antes de marcar o terceiro, o Vovô ainda colocou uma bola na trave, em cobrança de Victor Luís. Porém, alguns minutos depois, o Alvinegro marcou mais um e novamente com Cléber. Após recolher bola no meio-campo, Richardson avançou e abriu bola para Iury Castilho na área. O ponta levantou a cabeça e serviu o centroavante Cléber para ampliar o placar.

Segundo tempo

A etapa inicial começou com o Ceará demonstrando o mesmo ímpeto do primeiro tempo. O General Caballero, por sua vez, voltou um pouco mais ligado, tentando aproveitar os contra-ataques a partir das três modificações feitas pelo técnico Gustavo Bobadilla.

Mesmo dominando as ações, o Vovô não conseguia demonstrar a mesma eficácia da primeira etapa. Por isso, o técnico Dorival Júnior apostou em utilizar alguns dos seus titulares para aumentar os números do placar e, por consequência, a vantagem no saldo de gols para o Independiente.

Assim, Lima e Mendoza vieram para campo e, a partir da entrada deste último, o Alvinegro voltou a deslanchar na partida. Aos 26, após cobrança de escanteio, Lindoso desviou a bola, que se apresentou para Mendoza apenas empurrar para as redes.

Cinco minutos depois, em nova cobrança de escanteio, o Ceará chegou ao quinto gol. E novamente com o seu camisa 10. Bruno Pacheco levantou bola na área, a defesa do General Caballero afastou e Mendoza cabeceou para marcar o quinto.

Mesmo com a goleada consolidada, o Vovô ainda chegou ao sexto para fechar o placar. Aos 38, Zé Roberto recebeu bola na área e chutou fraco. A bola foi no canto e o goleiro Juanito Alfonso não conseguiu defender.

Ficha do jogo

Ceará 6
Richard; Nino Paraíba, Marcos Victor, Luiz Otávio e Victor Luís (Bruno Pacheco); Rodrigo Lindoso, Richardson (Lima) e Wescley (Zé Roberto); Iury Castilho (Mendoza), Dentinho (Erick) e Cléber. Técnico: Dorival Júnior.

General Caballero 0
Juanito Alfonso; Ángel Lezcano, Eduardo Duarte, Corullo e Vergara; Llanes Varela (Gavilan), Vera, Elías Alfonso (Barrios), Juan Franco e Bordón (Recalde); Ortiz (Hector Lezcano). Técnico: Gustavo Bobadilla.

Local: Arena Castelão
Árbitro: Jesús Cartagena (PER)
Assistentes: Enrique Pinto e Victor Raez (ambos do PER)
Gols: Wescley aos 6/1ºT, Cléber aos 17 e 31/1ºT, Mendoza aos 26 e aos 32/2ºT, Zé Roberto aos 38/2ºT (Ceará);
Cartões amarelos: Ángel Lezcano e Eduardo Duarte (General Caballero)

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Trending