conecte-se conosco
Dico Woolley, novo técnico do Campinense é ex-Retrô Dico Woolley, novo técnico do Campinense é ex-Retrô

PEPernambucanoSportÚltimas

Técnico vê Retrô prejudicado pela arbitragem contra o Sport e crítica árbitro: “Tem medo”

Publicados

em

Treinador do Retrô, Dico Woolley não poupou críticas à arbitragem da primeira final do Pernambucano de 2023, onde o Sport derrotou a Fênix por 2 x 1 neste sábado. Após a partida, em entrevista coletiva, o comandante afirmou que o árbitro Diego Fernando teve medo de tomar algumas decisões na partida.

Na coletiva, Dico falou que, se dependesse do Retrô, a arbitragem para as finais seria de fora de Pernambuco. O treinador ainda completou afirmando que os árbitros do estado sentem quando apitam jogos envolvendo Náutico, Santa Cruz e Sport.

“Mais uma vez, o Retrô foi muito prejudicado pela arbitragem. Gostaria que a arbitragem nesse jogo, se o Retrô tivesse escolhido, seria arbitragem de fora. Sei que a federação não tem culpa nenhuma, mas o que a gente vê nos jogos contra Náutico, Sport e Santa Cruz, são árbitros que sentem o jogo. Deborah (Cecília) ano passado e Diego (Fernando) este ano. Um absurdo o pênalti que ele não deu em Fernandinho, pênalti claro que ele não deu. Como ele não deu o primeiro lance que foi chamado (a favor do Sport), ele não deu pênalti para a gente. Não acho que tenha nada a ver com a Federação, são os árbitros que sentem o jogo”, disse Dico.

Dico Woolley - Retrô
Técnico do Retrô se queixou com a arbitragem ao longo da final – Foto: Rafael Vieira/FPF

O treinador seguiu tecendo críticas à arbitragem e, além de dizer que o Retrô teve um pênalti não marcado em Fernandinho, Dico também reclamou que o árbitro não foi revisar uma possível falta no camisa 77 no lance que originou a jogada do segundo gol do Sport.

“Quero que alguém consiga me explicar o porquê ele não foi lá ver o lance. Por quê? Porque é contra o Sport, e aí ele não pode anular um gol desse contra o Sport. Por quê? Porque ele tem outro emprego, pode ser pressionado pela torcida… Acho que tem medo disso. Medo de pegar geladeira, medo da torcida… Mas isso não pode acontecer”, completou.

Retrô terá que buscar reverter placar na Ilha do Retiro

Com o resultado de 2 x 1, o Sport larga em vantagem na decisão e pode até empatar na Ilha do Retiro para ser campeão pernambucano. O Retrô, por sua vez, tem que vencer por ao menos um gol de diferença para forçar penalidades. A volta está marcada para o dia 22 de abril, às 16h30.

Blog de Cassio: Love marca aos 49 e Sport sai na frente do Retrô na final do Pernambucano

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados