conecte-se conosco

PESportÚltimas

Pleito mais equilibrado, relembre todas as eleições do Sport

Antes, disputa mais acirrada havia sido em 2012, entre Luciano Bivar e Homero Lacerda

Publicados

em

A vitória de Milton Bivar na eleição para presidente do Sport no biênio 2021-2022, nesta sexta-feira (9), na Ilha do Retiro, foi a mais apertada da história do clube, de acordo com levantamento do Blog de Cassio Zirpoli. Reeleito, Bivar teve uma diferença de 38 votos para Nelo Campos – 1.023 contra 985. Outros opositores, Delmiro Gouveia teve 232 votos, enquanto Eduardo Carvalho ficou com 119 votos.

LEIA: Milton Bivar é reeleito presidente no pleito mais acirrado da história do Sport
LEIA: Bivar avalia disputa acirrada no Sport e desabafa sobre oposição: ‘Três meses só batendo’

Este, aliás, foi o 13º pleito do rubro-negro, que superou a disparidade de 501 votos obtida entre Luciano Bivar e Homero Lacerda, em 2012. Relembre, abaixo, todas as eleições da história do Sport.

Disputas eleitorais

1974 – diferença de 1.349 votos

– Jarbas Guimarães (Situação): 2.308 votos (77,01%)
– José Joaquim (Oposição): 689 votos (22,98%)

1978 – diferença de 1.179 votos

– José Moura (Situação): 2.091 votos (87,01%)
– Arsênio Meira (Oposição): 312 votos (12,98%)

1986 – diferença de 538 votos

– Homero Lacerda (Oposição): 1.381 votos (62,09%)
– Wanderson Lacerda (Situação): 843 votos (37,90%)

2000 – diferença de 794 votos

– Luciano Bivar (Situação): 1.805 votos (64,09%)
– Wanderson Lacerda (Oposição): 1.011 votos (35,90%)
* Foram registrados mais 719 votos impugnados e 13 nulos

2002 – diferença de 1.304 votos

– Severino Otávio (Situação): 1.478 votos (87,14%)
Alfredo Bertini (Oposição): 147 votos (8,67%)
– Geraldo Carvalho (Oposição): 71 votos (4,18%)

2006 – diferença de 1.303 votos

– Milton Bivar (Situação): 1.560 votos (85,85%)
– Alfredo Bertini (Oposição): 257 votos (14,14%)

2008 – diferença de 1.303 votos

– Silvio Guimarães (Situação): 2.614 votos (75,63%)
– Homero Lacerda (Oposição): 842 votos (24,36%)

2010 – diferença de 1.887 votos

– Gustavo Dubeux (Situação): 1.922 votos (98,21%)
– Sem nome definido (Oposição): 35 votos (1,78%)

2012 – diferença de 501 votos

– Luciano Bivar (Situação): 1.971 votos (57,27%)
– Homero Lacerda (Oposição): 1.470 votos (42,72%)

2014 – diferença de 1.266 votos

– João Humberto Martorelli (Situação): 1.542 votos (84,81%)
– Bruno Reis (Oposição): 276 votos (15,18%)

2016 – diferença de 955 votos

– Arnaldo Barros (Situação): 2.509 votos (61,75%)
– Wanderson Lacerda (Oposição): 1.554 votos (38,24%)

2018 – diferença de 2.148 votos

– Milton Bivar (Situação): 2.477 votos (88,27%)
– Eduardo Carvalho (Oposição): 329 votos (11,73%)
*Foram registrados 25 votos brancos e nulos

2020 – diferença de 38 votos

– Milton Bivar (Situação): 1.023
– Nelo Campos (Oposição): 985
– Delmiro Gouveia (Oposição): 232
– Eduardo Carvalho (Oposição): 119

Fonte: Cassio Zirpoli

Continue lendo
1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending