conecte-se conosco
Foto: Divulgação/Bahia

Bahia

Ônibus do Bahia é atingido por bomba na Fonte Nova antes de jogo na Copa do Nordeste; Danilo Fernandes sai ferido

Publicados

em

Foto: EC Bahia/Divulgação

O ônibus do Bahia foi atingido por uma bomba, segundo o comunicado do clube, ao chegar na Arena Fonte Nova na noite desta quinta-feira (24) para o jogo contra o Sampaio Corrêa, pela Copa do Nordeste. O goleiro Danilo Fernandes foi atingido no rosto por estilhaços do vidro próximo ao olho e foi encaminhado para um hospital. O Tricolor cogitou não entrar em campo, mas o técnico Guto Ferreira confirmou que haverá jogo.

Segundo informado pelo GE, foram três artefatos explosivos que atingiram o ônibus com a delegação do Bahia e eles teriam sido lançados por torcedores. Não somente o ônibus, mas outro carro que trafegava bem ao lado do veículo também foi atingido. Além do goleiro Danilo Fernandes, outros atletas passaram mal e também se feriram, como o lateral Matheus Bahia e o atacante Marcelo Cirino, como publicou anteriormente o GE e confirmou a reportagem do NE45.

“O torcedor intimida e acha que vai resolver os problemas do time dessa maneira. Não vai. O grupo, através da sua dignidade e profissionalismo entrará em campo para defender as cores do Bahia. A expectativa é se munir de dignidade, cada vez mais o grupo se abraçar e procurar cumprir o seu dever como profissional do futebol e defender as cores do Esporte Clube Bahia, mesmo sofrendo um atentado, onde estivemos muito próximos de acontecer alguma coisa muito mais séria do que foi”, afirmou o técnico Guto Ferreira, antes da partida, ao Nordeste FC e ESPN.

O comandante também relatou mais sobre a situação de Matheus Bahia e Danilo Fernandes. Segundo o treinador, por muito pouco os estilhaços do vidro não atingiram o olho do goleiro. O que poderia, consequentemente, fazer com que ele perdesse a visão. O técnico também temeu pelo pior, ao ver o tamanho do buraco que uma das bombas causou no vidro do ônibus. Na opinião dele, se uma outra bomba entrasse ali por aquele espaço, poderia haver alguma morte dentro do veículo.

“Estilhaçaram os vidros e atingiu outros jogadores nossos. O Matheus foi algo muito superficial, e o Danilo, graças a Deus, não foi nada mais grave. Mas esteve a um dedo de perder a visão, porque o vidro cortou muito próximo do olho. E não só isso, também o tamanho da bomba. Se uma das bombas entra no espaço que a outra provocou, com certeza causaria uma morte ali dentro. Ele está sendo atendido, medicado, e solicitamos a presença de um terceiro goleiro para que possamos fazer o jogo”, concluiu o Guto Ferreira.

Goleiro Danilo Fernandes ferido no rosto. Foto: Reprodução

Danilo Fernandes se pronunciou brevemente em seu perfil no Instagram. O goleiro do Esquadrão postou uma mensagem dizendo “tô bem, galera”, como forma de diminuir a preocupação sobre o seu estado de saúde. Confira também a análise do Blog de Cassio Zirpoli sobre o atentado sofrido pelo Bahia, que deveria ter deixado o jogo em segundo plano.

Sampaio Corrêa repudia atentado

O Sampaio Corrêa, adversário do Tricolor de Aço nesta quinta-feira pela Copa do Nordeste, repudiou o atentado sofrido pela delegação baiana antes da partida, como você pode conferir abaixo.

Trending