conecte-se conosco
Lance de Ituano x Sampaio Corrêa Lance de Ituano x Sampaio Corrêa

MASampaio CorrêaSérie BÚltimas

Com gol no fim, Sampaio perde para o Ituano e praticamente dá adeus à chance de acesso

Fernando Roberto Teixeira/Ituano

Publicados

em

Poveda teve dois gols anulados ainda no 1º tempo

O Sampaio Corrêa praticamente não tem mais chance de acesso na Série B. Em uma rodada ruim, o Tubarão teve dois gols anulados por impedimento e sofreu um gol de Vinícius Paiva no fim. Assim, derrota por 1×0 com o Ituano, no interior paulista e distância enorme para o G4.

Nádson, do Sampaio Corrêa
Kayan Mendes/SCFC

Como fica?

Com a derrota, o Sampaio cai para a 8ª colocação da Série B, com apenas 52 pontos. O time está a seis pontos do 3º, Bahia, e do 4º, Grêmio, que ainda joga amanhã. E só restam dois jogos. O Ituano aparece em 5º, com 54.

Para ter alguma chance de acesso, o Sampaio precisa ganhar os seus dois jogos restantes e torcer por 0% de aproveitamento para Bahia (contra Guarani e CRB) ou Grêmio (contra Náutico, Novorizontino e Brusque), além de tropeços de Ituano, Londrina e Sport.

Agora, os dois times se preparam para novos confrontos diretos na 1ª página da Série B. Para o Tubarão, o jogo será contra o vice-líder Vasco da Gama, no Rio, às 20h da quinta. O Galo, por sua vez, visita o Londrina, 6º colocado, às 19h do dia seguinte.

Ituano x Sampaio Corrêa

1º tempo: Dois gols anulados

A história poderia ter começado muito bem para o Tricolor. Aos 5, Poveda balançou as redes, mas o tento maranhense foi anulado por impedimento. Em campo, o Sampaio fazia o jogo que lhe é de costume, compostura defensiva e subidas de muta velocidade ao ataque.

Assim, o controle da posse de bola era total do Ituano, mas os paulistas tinham dificuldades para transformar isso em criação de jogadas em meio à última linha fechada dos maranhenses.

E isso deixava o jogo mais confortável para o Sampaio, que voltou a ter um gol anulado com Poveda, aos 34, em um lance bem mais ajustado. Mas, mesmo com essas duas bolas na rede, o jogo teve rotação morna na 1ª etapa, com poucas finalizações e muita disputa no meio.

Atacante Nádson, do Sampaio Corrêa
Fernando Roberto Teixeira/Ituano

2º tempo: E tudo foi por água abaixo

Depois do intervalo, o futebol começou a aparecer no Novelli Júnior. Com um jogo mais aberto, os dois times passaram a ter mais espaço para suas jogadas ofensivas, mas, nem assim, a partida era de grande intensidade e pressão por parte de nenhum dos times.

Com mais equilíbrio na posse de bola, as melhores chances esperaram até a metade final do 2º tempo para aparecer. Aos 36 e aos 38, Filipe, do Ituano, e Luiz Daniel, do Sampaio, precisaram aparecer bem para impedir chances de Poveda e Gabriel Barros.

Mas se o tento paulista não veio aos 38, ele viria aos 41, com Vinícius Paiva tocando no cantinho do gol maranhense. O Tubarão ainda tentou reagir e até acertou uma bola na trave aos 54, mas nada que evitasse a derrota e essa quase despedida antecipada da Série B.

Ficha do jogo

Ituano (1)
Filipe Costa; Raí Ramos, Rafael Pereira (Lucas Dias), Carlão e Roberto; Caique (Caio), Lucas Siqueira, Lucas Nathan (Vinícius Paiva) e Léo Ceará (Gerson Magrão); Aylon (Chrigor) Gabriel Barros. Técnico: Carlos Pimentel.

Sampaio Corrêa (0)
Luiz Daniel; Mateusinho (Lucas Araújo), Joécio, Allan Godói e Pará (Lucas Hipólito); André Luiz (Eloir), Ferreira, Rafael Vila (Rafael Costa); Ygor Catatau, Nádson (Léo Tocantins) e Gabriel Poveda. Técnico: Léo Condé.

Local do jogo: Estádio Novelli Júnior, em Itu-SP
Árbitro: Rafael Rodrigo Klein (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Luanderson Lima dos Santos (BA)
Gol: Vinícius Paiva (41’/2ºT | ITU)
Cartões amarelos: Lucas Siqueira, Aylon, Caique (ITU) e Rafael Vila (SAM)
Público: 1.855 torcedores
Renda: R$ 30.430,00

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados