conecte-se conosco
Foto: Divulgação Operário/Bioleader Controle Ambiental Foto: Divulgação Operário/Bioleader Controle Ambiental

CENáuticoPESérie CÚltimas

Operário-PR é punido e terá torcida apenas com mulheres e crianças contra Floresta e Náutico

Foto: Divulgação Operário/Bioleader Controle Ambiental

Publicados

em

Enquanto o Verdão da Vila joga em julho, o Timbu vai disputar fora de casa em agosto

O STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) decidiu por punir a equipe do Operário-PR com perda de mando de campo na Série C, além de multa de R$ 30 mil, após confusões em uma partida contra o Paysandu. O Floresta e Náutico são os adversários das partidas.

Acatando a pedidos do Operário-PR, o STJD permitiu que a punição de dois jogos seja com o acesso apenas para mulheres e crianças. Os confrontos em questão são contra o Floresta, no dia 16 de julho, e Náutico, em 5 de agosto.

A prática tem se tornado comum no futebol brasileiro, e times nordestinos como Sport e Ceará já cumpriram este tipo de suspensão. Inclusive, o Vozão teve um dos maiores públicos da Série B em 2023, com 37.545 mil torcedores. A partida foi contra o Novorizontino e contou com a presença de mulheres, crianças e pessoas com deficiência.

Confusão no jogo entre Operário-PR x Paysandu

Foto: Divulgação Operário/Bioleader Controle Ambiental
Floresta e Náutico vão jogar fora de casa contra o Operário

A partida aconteceu em 07 de junho pela 7º rodada da Série C. Em súmula, o árbitro Gustavo Ervino Bauermann relatou uma confusão na arquibancada.

A Polícia Militar do Paraná registrou que nos últimos minutos do jogo, que terminou empatado em 0 x 0, a torcida do Paysandu jogou duas bombas contra os torcedores do Fantasma, que acabaram revidando com pedras. A confusão foi controlada dentro do estádio e continuada no lado de fora. Não houve paralisações na partida.

O STJD penalizou o Operário-PR em base do Art. 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que diz “Deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir: I – desordens em sua praça de desporto; II – invasão do campo ou local da disputa do evento desportivo; III – lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo”.

Números, estatísticas e mais sobre o futebol nordestino: Confira as últimas do Blog de Cassio Zirpoli

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados