conecte-se conosco
Roberto Fernandes Santa Cruz Roberto Fernandes Santa Cruz

PESanta CruzSérie CÚltimas

“Era um jogo para buscar a vitória e não entregar a vitória”, diz Roberto após derrota do Santa

Publicados

em

Nitidamente abatido após a derrota do Santa Cruz por 2 a 1 para o Paysandu, o técnico Roberto Fernandes, durante a coletiva de imprensa pós-jogo, não escondeu a decepção pela atuação do Tricolor. O treinador pontuou como determinante para o revés a falha no primeiro gol do time paraense, quando Júnior Sergipano errou a saída de bola e deu praticamente um passe para Nícolas abrir o placar no Arruda, e disparou: ‘era um jogo para buscar a vitória, não para entregar a vitória’.

Veja outros pontos da coletiva, na íntegra

Evolução do time com novos contratados

“Eu acho que pela forma que nós começamos o jogo, dava uma expectativa de que a gente pudesse ter um resultado melhor. E o jogo estava bem equilibrado, como equipe bem encaixada e a nossa também competindo, aí veio o primeiro gol. E aí pra quem vive uma situação como essa, não é só uma ducha de água fria, é muito mais do que isso. E acho que isso já pesou por aí. Mas acredito que aqueles atletas que entraram não foram, nenhum deles, abaixo de quem vinha jogando, em que pese a gente perde para um jogo tão importante, dois jogadores de meio campo que eram absolutamente titulares da equipe, que são o Chiquinho e o Vitinho. E não é do dia para a noite que você encaixa o meio campo, principalmente com vários jogadores parados, o Rondinelly, por Covid, o próprio Augusto, que nem cheguei a utilizá-lo. Então era um jogo para buscar a vitória e não entregar a vitória. E acho que o primeiro passo do caminho do Paysandu partiu de uma infelicidade muito grande nossa.

Principais falhas

“A gente não pode crucificar ninguém, porque quando se fala de esporte coletivo, quando ganha ganha todo mundo e quando perde perde todo mundo. Mas a principal falha de um jogo que estava muito equilibrado, foi a forma como nós cedemos o primeiro gol ao Paysandu, e a eficácia do nosso ataque está muito abaixo, nós precisamos melhorar muito. São muito poucos gols. Sob meu comando, nós chegamos ao terceiro jogo com dois gols, e em dois jogos em casa. Então, a gente precisa melhorar, fortalecer o setor, porque a gente não está agredindo ninguém, a gente não está fazendo mal a ninguém. E para ganhar jogo precisa fazer gol”.

Faltou concentração?

“Faltou concentração, faltou tomada de decisão correta, enfim, lamentável”.

Reforços ganhando sequência no time titular

“Possivelmente existe a possibilidade, é sangue novo. Eu acho que de todos que estrearem, ao meu ver quem estreou melhor foi o Maycon, praticamente marcou o jogo inteiro sozinho, e conseguiu chegar para ajudar no ataque, agora entrosamento não é em três dias, quatro dias. Eu falei quando chegaram as contratações, elas não viriam com entrosamento junto. Eu acredito que eles possam, na sequência, evoluir”.

Comparativo com as dificuldades do ABC, em 2019, e agora

“São dois aspectos bem diferentes. Naquele ano, no ABC, nós tínhamos um elenco que a maioria não tinha comprometimento algum com o trabalho, e não tinha, não sei se pelo perfil, ou porque o clube vivia com três meses de salário atrasado, então eram as duas coisas, porque tinha o salário atrasado e por causa disso os atletas não tinham o menor foco no trabalho. Aqui, os salários estão em dia e eu não vejo falta de comprometimento. Não é isso. Faltam outras coisas”.

Ouça a partir do minuto 03′:

2 Comentários

1 comentário

  1. Ricardo

    3 de julho de 2021 a 23:34

    França tem que pegar o beco não adianta encher o time de atacante se não tem quem arme o a solução é óbvio se precisa de gols bota Wallace e pipico junto e dispensa esses pernas de pau do meio e contrata um só que preste avisa a essa diretoria que quantidade não é qualidade.roberto vc errou hoje.

  2. Duca

    4 de julho de 2021 a 14:01

    Vão querer sacrificar o Júnior sergipano, nos últimos jogos foi titular fazendo dupla de zaga, com William alves, Breno Calixto, e ontem com um novato, como pode se entrosar. Até porquê é chamado de DUPLA DE ZAGA, como pode formar se em cada jogo é um compheiro diferente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados