conecte-se conosco
Lucho - Ceará Lucho - Ceará

CECearáSérie AÚltimas

Desfalcado, Ceará trabalha opções para enfrentar o Santos pela Série A; confira

Foto: Felipe Santos/Ceará

Publicados

em

Alvinegro não contará com Vina e Jô suspensos e pode não ter os zagueiros Messias e Luiz Otávio, que reclaram de dores contra o Flamengo

Em situação complicada na Série A, vindo de sete jogos sem vencer, o Ceará terá um grande desafio no próximo final de semana em busca do primeiro triunfo. Diante do Santos, na Arena Castelão, no sábado, às 16h30, o Alvinegro tentará voltar ao caminho dos triunfos sem alguns dos seus principais jogadores na temporada.

Suspensos após o jogo contra o Flamengo, o meia Vina – principal destaque do Vozão na temporada – e o atacante Jô, que foi contratado para ser o homem-gol alencarino na reta fina da Série A, não poderão atuar diante do Peixe. Assim, abrem-se duas vagas no setor ofensivo para que o técnico Lucho González tenha de pensar em soluções já na sua segunda partida à frente do time.

Mudanças no ataque

Sem a possibilidade de acionar o atacante Jô, Lucho poderá optar entre Matheus Peixoto e Zé Roberto, os dois centroavantes disponíveis no elenco do Ceará atualmente. Vale lembrar que antes da estreia do camisa 77 entre os titulares, Peixoto vinha sendo acionado pelo ex-técnico Marquinhos Santos e sofrendo muitas críticas por parte da torcida.

Jó Ceará
Atacante Jô marcou em seu primeiro jogo como titular com a camisa alvinegra – Foto: Felipe Santos/Ceará

Zé Roberto, por sua vez, também teve chances ao longo da temporada e acabou não convencendo. Dessa forma, acabou perdendo espaço, especialmente com Marquinhos Santos, quando começou a ficar apenas entre os suplentes.

Essa falta de solução para o ataque do Alvinegro fez com que o time jogasse até mesmo sem o atacante de ofício no comando de ataque, pois o meia Vina também foi utilizado nesta função durante a passagem do técnico Dorival Júnior.

Ausência do meio-campista, inclusive, é uma das dores de cabeça de Lucho González para montar a equipe. Sem Vina, despontam como favoritos para a sua vaga uma escalação o volante Guilherme Castilho e o meia Lima.

Outra possibilidade é a utilização de uma formação com quatro meio-campistas – Richardson, Richard Coelho, Guilherme Castilho e Lima – e dois atacantes, sendo eles Mendoza e Vásquez para dar maior velocidade às transições do Ceará.

Nova dupla de zaga?

Além disso, o comandante alvinegro poderá não contar com os zagueiros Luiz Otávio e Messias, que são dúvidas por problemas físicos. Luiz Otávio ficou fora do embate de domingo devido à dores no joelho. Já Messias foi substituído na partida contra o Flamengo após reclamar de um desconforto muscular na coxa.

Assim, caso não reúnam condição de jogo, os zagueiros podem dar lugar a formação com Gabriel Lacerda e Lucas Ribeiro, considerados reservas imediatos na função. Outro nome que corre por fora e também pode ser acionado é o de Marcos Victor, defensor que é considerado uma das joias da base do Ceará nos últimos anos.

Um esboço

Dessa forma, o time do Ceará escalado diante do Santos pode ser formado com João Ricardo, Nino Paraíba, Messias (Gabriel Lacerda), Luiz Otávio (Lucas Ribeiro) e Bruno Pacheco; Richard Coelho, Richardson e Lima (Guilherme Castilho); Jhon Vásquez, Mendoza e Matheus Peixoto (Zé Roberto).

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados