conecte-se conosco
Após ser expulso e dar um soco na cabine de proteção do VAR, Geuvânio, do Náutico, pede desculpas: "Perdi minha cabeça" Após ser expulso e dar um soco na cabine de proteção do VAR, Geuvânio, do Náutico, pede desculpas: "Perdi minha cabeça"

NáuticoPESérie BÚltimas

Após ser expulso e dar um soco na cabine de proteção do VAR, Geuvânio, do Náutico, pede desculpas: “Perdi minha cabeça”

Foto: Tiago Caldas/CNC

Publicados

em

O atacante Geuvânio, do Náutico, se pronunciou após ter sido expulso e quebrado parte da cabine de proteção da cabine do VAR ao sair de campo na partida contra o Grêmio, no último domingo, onde o Timbu perdeu por 3 a 0. Em post no Instagram, o jogador pediu desculpas e disse que perdeu a cabeça.

Aos sete minutos do segundo tempo, Geuvânio recebeu o cartão vermelho. Irritado com a expulsão, ele saiu de campo sob protestos da torcida. Ao passar perto da cabine do VAR, o jogador deu um soco, quebrando parte da proteção. Nesta segunda-feira, pediu desculpas e reconheceu o erro.

“Errei ontem. Acabei perdendo a cabeça. Agora, com a cabeça fria, olhando o vídeo e o lance, acabei tomando uma atitude que nunca tomei. Sempre saí tranquilo dos jogos, mas ontem perdi totalmente minha cabeça pela situação que estamos passando pelo rebaixamento do clube”, disse Geuvânio.

“Estava no limite ontem e tomei uma atitude errada. Quero me desculpar pelo que houve e aguardara punição pelo meu erro. Errei, mas não foi falta por falta de luta. Sempre vou guerrear dentro de campo, defendo o meu. Vou errar mais vezes, mas nunca vou me omitir”, completou o atacante.

Foto: Reprodução/Instagram

Na atual edição da Série B, o atacante Geuvânio participou de 14 jogos, tendo feito quatro gols nesse período. Ainda não se sabe se o jogador fica ou não para 2023, mas nas redes sociais ele agradeceu a passagem no Timbu e afirmou que se tornou um torcedor do clube pernambucano: “Te amo, Náutico”, escreveu.

“Desde já, obrigado, Náutico. Fiz meu melhor em todos os jogos. Saio com a cabeça tranquila porque sei que fiz meu melhor. Aqui voltei a fazer gols, a sorrir e sentir o prazer de jogar futebol de novo. Obrigado. Te amo, Náutico. Virei um torcedor alvirrubro”, finalizou o jogador na sua postagem nas redes sociais.

Após ser expulso e dar um soco na cabine de proteção do VAR, Geuvânio, do Náutico, pede desculpas: "Perdi minha cabeça"
Foto: Tiago Caldas/CNC

O Náutico na Série B

Com apenas 30 pontos e já rebaixado, o Náutico volta a campo no sábado (29), contra a Chapecoense, fora de casa, de 19h, pela 37ª rodada da Série B.

Além deste duelo, o Timbu também vai encarar a Ponte Preta na última rodada, num jogo em que o Alvirrubro já solicitou que fosse antecipado para ter mais tempo de pré-temporada.

A classificação da Série B de 2022 após a 36ª rodada; 1 acesso e 3 rebaixamentos

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados