conecte-se conosco
Copa Alagoas: CSE conquista título inédito após vencer ASA. Foto: Ailton Cruz Copa Alagoas: CSE conquista título inédito após vencer ASA. Foto: Ailton Cruz

ALAlagoanoCampeonatosSérie DÚltimas

Copa Alagoas: CSE conquista título inédito em cima do ASA e garante vaga na Série D em 2024

Publicados

em

Além de comemorar o primeiro título da competição, o CSE garantiu vaga na Série D 2024

Emoção foi a palavra da grande decisão da Copa Alagoas, que aconteceu nesta quarta-feira (29). O CSE venceu o ASA, nos pênaltis por 4 x 5, após um empate em 1 x 1 no tempo normal, e conquistou o primeiro título da equipe no torneio.

Mas para além da taça, o CSE garantiu calendário para 2024. Além de disputar a seletiva da Copa do Brasil, o clube garantiu vaga na Série D. Esta será a segunda vez que a equipe vai disputar a divisão.

Com a derrota, o ASA agora vai se concentrar para o primeiro jogo da final do Alagoano. O Alvinegro se prepara para enfrentar o CRB, dentro de casa, no sábado (1), às 16h.

Copa Alagoas: ASA 1 x 1 CSE – [4 x 5] nos pênaltis

Copa Alagoas: CSE conquista título inédito após vencer ASA. Foto: Ailton Cruz
Copa Alagoas: CSE conquista título inédito após vencer ASA. Foto: Ailton Cruz

Com jogo único, a responsabilidade das duas equipes para conseguir conquistar o sonhado título só aumentou. Quem começou no primeiro tempo chegando com perigo foi o CSE.

Logo nos primeiros minutos, perderam duas chances com Geovanio e Jeferson. O ASA também conseguiu fazer boas jogadas ofensivas, com Anderson Feijão, mas sem grande sucesso.

Aos 25 minutos, o CSE abriu o placar com belíssimo gol de Felipe Ramon fora da área. A equipe comemorou bastante a jogada, mas não durou muito tempo. Três minutos depois, o ASA empatou com gol contra de Baggio.

A equipe tricolor permaneceu no ataque, mas parou no goleiro Renan Rinaldi, que fez uma boa partida e evitou que o placar fosse ampliado.

No segundo tempo, o jogo continuou pegado para os dois lados. Além das faltas, as duas equipes se colocaram no ataque, mas sem conseguir levar tanto perigo. Com o fim em 1 x 1, a decisão foi para os pênaltis.

Na equipe do ASA, Lúcio Maranhão, Zé Wilson, Didira e Fidélis reverteram. Anderson Feijão, Wendell e Fábio Aguiar não tiveram êxito. Enquanto isso, o CSE conseguiu marcar com Welton, Jeferson, Claudevan, Cleyton e Pedro. Rogerinho e Felipe Ramon despediçaram a chance.

Ficha do jogo

Asa 1 (4)

Renan; Lázaro (Michel), Lídio (Didira), Fábio Aguiar, Zé Wilson; Wendel, Fidelis, Everton Heleno (Tito); Lúcio Maranhão, Anderson Feijão e Vitinho. Técnico: Sidney Moraes

CSE 1 (5)

Pedro; Cotia, Baggio, Goiano, Kainandro (Fernando); Cleyton, Claudevan, Geovanio, Felipe Ramon; Jeferson e Didinho (Welton). Técnico: Jaelson Marcelino

Local: Estádio Municipal Coaracy da Mata Fonseca (Fumeirão)
Árbitro: Márcio dos Santos Oliveira
Assistentes: Pedro Jorge Santos Oliveira, Benilson dos Santos e Gleito Lins Vieira
Gols: Felipe Ramon (CSE); Baggio (ASA)
Cartões amarelos: Cleyton, Claudevan, Baggio, Rogerinho, (CSE), Anderson Feijão, Everton Heleno (ASA)

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados