conecte-se conosco
Vojvoda, técnico do Fortaleza, destaca atuação contra o Atlético-MG e pede foco na Sul-Americana Vojvoda, técnico do Fortaleza, destaca atuação contra o Atlético-MG e pede foco na Sul-Americana

CECopa Sul-AmericanaFortalezaSérie AÚltimas

Vojvoda enaltece inteligência do Fortaleza contra Atlético-MG e vira a chave para duelo da Sul-Americana

Foto: Mateus Lotif/Fortaleza EC

Publicados

em

Treinador exalta vitória contra o Galo no Castelão, mas também destacou que o Leão precisa vencer na Sul-Americana

A vitória do Fortaleza diante do Atlético-MG no último sábado (24), por 2 x 1, reafirmou uma retomada da equipe cearense. Resultado importante para voltar a subir na tabela do Brasileirão. Na visão do técnico Juan Pablo Vojvoda, o Tricolor fez uma partida inteligente, mesmo sem uma apresentação vistosa.

“Eu acho que o time fez uma boa partida, correta, com funcionamento defensivo bom e aproveitando situações que teve. Não foi vistosa, com muitas situações de gol. Mas jogada com inteligência e intensidade física”, avaliou Vojvoda.

No 2º tempo, o time acelerou o jogo e conseguiu os gols. Manejou o tempo, fechou espaços. Jogamos de um jeito inteligente, com boa leitura de jogo”, disse o comandante do Fortaleza.

Com este resultado, o Fortaleza assumiu provisoriamente a 5ª colocação da Série A, com 20 pontos, e está agora secando os times logo abaixo, que ainda jogarão na rodada, para terminá-la dentro do G-6.

Foco do Fortaleza na Sul-Americana

Vojvoda também destacou que o Fortaleza deve voltar seu foco para a Sul-Americana. Apesar de já ter garantido sua classificação antecipadamente, o Leão fez um jogo ruim e perdeu para o Estudiantes de Mérida-VEN na última rodada da competição.

Para que esse cenário não volte a se repetir, de jogar num ritmo diferente por já estar classificado, o treinador pede que o time mantenha a seriedade para garantir mais uma vitória e seguir com um ritmo bom, já que um novo revés mexe com o ânimo da equipe.

“Cada partida para nós é importante. É verdade que estamos classificados, mas também é verdade que perdemos na Venezuela (para o Estudiantes-VEN). A cada vez que temos um resultado assim (de derrota), afeta o ânimo do time”, argumentou o técnico argentino.

“Nossa responsabilidade é ir ao Chile e fazer nosso trabalho, para ganhar a partida. Sabemos que temos um adversário que joga muito também. Mas como profissionais que somos, temos que enfrentar essa partida com muita responsabilidade e seriedade”, concluiu.

Números, estatísticas e mais sobre o futebol nordestino: Confira as últimas do Blog de Cassio Zirpoli

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados