conecte-se conosco

BABahiaCECearáFortalezaFred FigueiroaPESérie ASport

Raio X: Z4 fica mais distante e projeção de pontuação final volta a cair

Publicados

em

A 25ª rodada da Série A deixa como saldo principal o agravamento das situações de Botafogo e Coritiba – ficando agora com oito e sete pontos, respectivamente, abaixo do 16º colocado. O alvinegro inclusive foi alcançado em pontos e ultrapassado no número de vitórias pelo Goiás, tornando-se o novo lanterna. Os resultados também colocaram o Vasco mais distante de deixar o Z4 – saindo do alcance de uma rodada. A distância para o 16º (antes o Sport e agora o Bahia) subiu de um para três pontos. O problema é que o Vasco tem duas vitórias a menos que os três clubes da faixa dos 28 pontos (Bahia, Sport e Athletico/PR) – assim só ganhará uma posição se somar quatro pontos a mais que qualquer um desses adversários.

A situação vascaína só não é mais grave graças ao gol de Cano já nos acréscimos do clássico contra o Fluminense, evitando mais uma derrota. O aproveitamento atual de 34,7% joga a projeção final do Z4 para 40 pontos (com arredondamento para cima). Como o Vasco ainda tem um jogo a menos – contra o Palmeiras, em São Paulo – essa projeção poderia subir para 43 pontos em caso de vitória ou cair para 38 em uma eventual derrota. Com o empate, ela permanece em 40 (precisamente, cai de 39,5 para 39,4).

A partir da 23ª rodada, o bloco de risco (com todos os times fora do G8) começou a apresentar subdivisões mais claras – dentro de um curso natural de desmembramento. “Líder do Z12”, o Corinthians, 9º na classificação geral, já abriu oito pontos para o Z4 e 12 para o 18º colocado. É possível identificar um subgrupo com os 5 times que já estão acima dos 30 pontos: Corinthians, Ceará, Red Bull Bragantino, Atlético/GO e Fortaleza. Os quatro primeiros têm em comum uma pontuação acima de oito pontos nas últimas cinco rodadas. O Bragantino é o destaque com 11 pontos em 15 disputados. Enquanto no Fortaleza há uma sinal de alerta para a perda de rendimento – com apenas uma vitória nas últimas nove partidas do Brasileiro.

O segundo bloco dentro do Z12 traz os times que estão com 28 pontos e o Vasco, principal perseguidor, três pontos abaixo. A pontuação escassa une esses quatro clubes. Ainda que o Athletico tenha seis pontos dos últimos 15 disputados, vem de três derrotas consecutivas. O Bahia já acumula quatro. E o Sport trazia quatro derrotas até vencer o Coritiba nesta rodada. Três pontos abaixo, o Vasco tem uma única vitória nas últimas 15 partidas disputadas.

O bloco final é justamente o trio que afundou na zona de rebaixamento e precisará de uma verdadeira revolução para reagir: Coritiba, Goiás e Botafogo. Destes o único com algum esboço, ainda tímido, de reação é o Esmeraldino, que fez 5 pontos nas últimas cinco partidas disputadas.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending