conecte-se conosco
Ramon Menezes. técnico do Vitória Ramon Menezes. técnico do Vitória

BAÚltimasVitória

Ramon é o sétimo treinador demitido do Vitória com menos de 20 jogos na gestão PC

Publicados

em

O técnico Ramon Menezes foi o nono a ser demitido do Vitória na gestão do presidente Paulo Carneiro, que comanda o clube desde abril de 2019. E o sétimo a deixar o Leão sem ter chegado a 20 partidas na direção do time, o que reforça os números pífios do Rubro-negro no período, que pelo terceiro ano consecutivo luta contra o rebaixamento na Série B.

Anunciado no dia 8 de junho, Ramon permaneceu a frente do Vitória por apenas 16 jogos, com três triunfos, seis empates e cinco derrotas, um aproveitamento de 31,2% dos pontos disputados. O que também vem mostrando, infelizmente para os torcedores rubro-negros, um padrão.

Isso porque, dos nove treinadores da era Paulo Carneiro, apenas dois tiveram rendimento superior a 50% (o que por si só não um grande feito). Não por acaso, os dois são também os únicos com mais de 20 jogos no comando do time: Geninho, que dirigiu o Vitória em 25 partidas e saiu com 50,6% de aproveitamento, e Rodrigo Chagas, que em duas passagens, esteve à frente da equipe em 30 confrontos, com 51% de rendimento.

Já os piores números pertencem a Mazola Júnior, que dirigiu o Leão em apenas quatro jogos na Série B do ano passado e foi demitido com 25% de aproveitamento, e Cláudio Tencati, que em sete jogos somou apenas 23,8% dos pontos disputados.

Da lista dos nove, o treinador foi o único que não foi contratado por Paulo Carneiro, mas permaneceu no clube após o dirigente assumir o poder.

Treinadores na era Paulo Carneiro

Cláudio Tencati: 7 jogos e 23,8% de aproveitamento;*
Osmar Loss: 10 jogos e 26% de aproveitamento;
Carlos Amadeu: 9 jogos e 48% de aproveitamento;
Geninho: 25 jogos e 50,6% de aproveitamento;
Bruno Pivetti: 19 jogos e 36,8% de aproveitamento;
Eduardo Barroca: 9 jogos e 29,6% de aproveitamento;**
Mazola: 4 jogos e 25% de aproveitamento;
Rodrigo Chagas: 30 jogos e 51% de aproveitamento;
Ramon Menezes: 16 jogos e 31,2% de aproveitamento.

*não foi contratado por Paulo Carneiro
**único que pediu demissão

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending