conecte-se conosco

BABahiaÚltimas

Brasileiro que atua no futebol europeu revela que quase foi para o Bahia em 2021

Publicados

em

Atualmente destaque do FC Petrolul, da Romênia, o brasileiro Jair Tavares é um segundo volante de 28 anos que já está há mais de oito anos atuando na Europa. O jogador já acumula três gols e duas assistências em 33 jogos na atual temporada, sendo 31 delas como titular. O atleta revelou que em 2021, quando ainda atuava pelo HJK, da Finlândia, recebeu uma sondagem do time de captação do Bahia.

“Cheguei a conversar com o Guto após os primeiros contatos do time de captação. Mas minhas conversas mais abertas foram com o Hugo de Assis, que era o responsável por buscar jogadores para o clube. Acabou não dando certo porque eu era peça importante no HJK que brigava pelo título finlandês e jogava a Europa League, e o clube não quis me liberar”, disse o atleta.

Natural de Barra de Santo Antônio, Alagoas, Jair foi morar com a família em Salvador quando tinha cinco meses de idade. O atleta passou pela base do Cotia, Palmas, e Guarani-SP mas foi somente jogar profissionalmente no Ituano, onde também teve destaque nas categorias de base. A estreia no profissional foi em 2015. Logo depois de sete jogos o jogador se transferiu para o futebol finlandês onde fez uma espécie de “escada” passando por clubes maiores do país, foram três times diferentes no total. Por lá, o volante venceu duas vezes a Liga Finlandesa e uma vez a Taça da Finlândia. Além de ter disputado as fases preliminares da Champions League e Europa League. E a fase principal da Conference League.

Jair acumula 161 jogos pelo futebol europeu. Mesmo atuando como segundo volante, soma 21 gols e quatro assistências neste período. O atleta tem contrato com o clube romeno até julho de 2024. O jogador também comentou sobre esse tempo fora do Brasil e se um dia teria vontade de voltar a jogar pelo clube da cidade aonde foi criado.

“Jogando na Europa pude sentir uma evolução muito grande tanto como atleta e como pessoa. Tive a oportunidade de jogar com grandes jogadores e trabalhar ao lado de ótimos profissionais. Poder desfrutar desse momento é maravilhoso e um privilégio para qualquer jogador. Quanto a vontade de atuar no Bahia ou até mesmo em um outro clube no Brasil, para mim, seria como mais um sonho realizado. Mas claro que seria muito especial poder defender o clube que minha família inteira torce, que é o Tricolor de Aço”, finalizou o jogador.

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados