conecte-se conosco
River x Altos, no estádio Albertão, pela Copa do Nordeste 2024 River x Altos, no estádio Albertão, pela Copa do Nordeste 2024

Copa do NordestePIÚltimas

River e Altos ficam no empate em duelo piauiense na Copa do Nordeste

Maria Vitória/River

Publicados

em

Equipes entraram em campo no estádio Albertão pela sexta rodada

Em noite de clássicos pela Copa do Nordeste, River e Altos entraram em campo na noite desta quarta-feira (20) em duelo de piauienses no estádio Albertão pela sexta rodada. E o primeiro duelo da história válido pelo regional terminou sem nenhum vencedor. Os times não saíram de um 0 x 0, apesar de algumas chances criadas

Resultado que mantém momentaneamente as equipes no G-4 da Copa do Nordeste, mas que precisarão esperar os demais jogos para saber a posição final.

O River cai para terceiro com o empate, com 10 pontos. Porém, ainda pode cair mais três posições. Já o Altos termina o jogo ainda em terceiro, com sete pontos, e também pode perder até duas colocações até o fim da rodada.

Próximos jogos na Copa do Nordeste

O Altos volta a campo pela Copa do Nordeste já no próximo sábado (23). Desta vez como mandante no estádio Lindolfo Monteiro, o Jacaré recebe o América-RN, às 18h. Já o River vai até o Adauto Morais encarar a Juazeirense no domingo (24), às 19h.

River x Altos, no estádio Albertão, pela Copa do Nordeste 2024
Foto: Maria Vitória/River

O jogo

Embora sem gols, o primeiro tempo no Albertão pela Copa do Nordeste teve algumas boas chances criadas pelas duas equipes e um lance que gerou uma bronca ao árbitro por parte do time do River. Aos 23, o estreante Paul Henry arrancou em direção ao gol, mas viu o zagueiro Leandro Amorim dar um carrinho por trás. Para a arbitragem, apenas na bola. E lance normal de jogo.

A primeira boa chance do Jacaré veio com Rhuann aos 27 minutos. Marcelinho cruzou da direita e o camisa 9 chutou de primeira, parando na boa defesa de Joanderson.

Mas o River respondeu rapidinho. Aos 31 Wesley Souza arriscou de fora da área e a bola explodiu no pé da trave.

O último lance de perigo dos primeiros 45 minutos teve novamente a participação de Rhuann e Joanderson. Aos35 o goleiro apareceu novamente para defender, desta vez em cabeça quase à queima roupa de Rhuann.

Na volta do segundo tempo, o técnico Dico Woolley resolveu mexer nas peças das frentes do seu time. Sem Cryslan, que sequer foi relacionado, o treinador optou por sacar Jú Alagoano e Paul Henry, além de Ronald, para as entradas de Caíque Valdívia, Kakim e Daivisson.

Mas o jogo caiu de produção ofensiva caiu drasticamente na primeira metade da etapa final. Do lado do Jacaré, Flávio Araújo também mudou todo setor ofensivo. Entraram Brayann, Athyrson e Adriano Napão.

E, apesar do gás novo com 10 substituições nas duas equipes no segundo tempo, a partida pouco ofereceu de bom para quem estava assistindo em casa ou pela transmissão. Um 0 x 0 que terminou com um gostinho ruim pela Copa do Nordeste.

FICHA TÉCNICA

River-PI 0
Joanderson; Vivico (Guilherme Knupp), Lucas Mingoti, Leandro Amaro e Izaldo; Darlan, Wesley Souza , Iago Felipe (Doda) e Ronald (Caíque Valdívia) ; Paul Henry (Kakim) e Jú Alagoano (Daivisson). Técnico: Dico Woolley.

Altos-PI 0
Vinícius; Luis Guilherme, Leandro Amorim, Arlan e Arthurzinho; Hudson, Digão (Dhonata) e Marcelinho (Lucas Gomes); Matheus (Brayann), Válber (Athyrson) e Rhuann (Adriano Napão). Técnico: Flávio Araújo.

Local: Albertão
Árbitro: José Ricardo Vasconcellos Laranjeira
Assistentes: Rondinelle dos Santos Tavares e Wellington Thiago de Almeida Fontes Nascimento
Cartão amarelo: Mingoti, Jú Alagoano, Vivico (River); Rhuann, Hudson, Bryann , Lucas Gomes (Altos)
Gols:

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados