conecte-se conosco

PESérie ASportÚltimas

Em má fase do Sport, Patric pede confiança: ‘Esse time já demonstrou’

Lateral-direito e capitão concedeu entrevista coletiva onde avaliou o momento do Rubro-negro

Publicados

em

O momento do Sport é ruim. Com apenas uma vitória nos últimos nove jogos e um gol marcado em seis partidas, o Rubro-negro está apenas um ponto acima da zona de rebaixamento. Para completar, os dois próximos jogos são fora de casa, contra times da parte de cima da classificação. Lateral-direito e capitão, Patric reconhece a chateação com a equipe, mas pede confiança ao grupo tendo em vista o que o Leão já apresentou na Série A. 

“Precisamos do apoio do torcedor. Claro que está todo mundo chateado, mas precisamos do apoio, até porque esse time já demonstrou. Vamos trabalhar forte para nos distanciar da zona de rebaixamento. Incomoda (a proximidade com a degola), tem que incomodar, mas todo mundo aqui tá ciente que precisamos evoluir”, afirmou o jogador. 

Em baixa atualmente, o Sport já figurou na zona da Taça Libertadores. No meio do primeiro turno, impactado pela chegada de Jair Ventura, o Leão conquistou 10 de 12 pontos possíveis e subiu ao 5º lugar. Porém, entrou em má fase a partir da derrota para o Flamengo e voltou a figurar na segunda metade da classificação. 

Agora, o Sport se prepara para enfrentar o Santos, neste sábado, no estádio da Vila Belmiro, e o São Paulo, no domingo da próxima semana (12), no estádio Morumbi. Ambos os adversários estão bem colocados na competição. 

Confira outros trechos da entrevista de Patric 

Conversa entre os jogadores 

“Estamos extremamente chateados, tristes. Perdemos em casa onde vínhamos fortes. E acaba que no futebol a gente vive momentos bons e ruins. E nunca queremos o momento ruim. Mas ele chegou para nós. Precisamos assumir a responsabilidade, porém temos um jogo fora que iremos precisar rever os vídeos, analisar, conversar. E se impor. Então esse momento de adversidade quando vem a gente cai, machuca, mas é preciso cicatrizar a ferida e nos enchermos de palavras boas, comprometimento, empenho, para que possamos reverter porque sabemos o que temos que fazer. E vamos trabalhar mais forte para somar pontos novamente que é importantes”.

Projeção dos dois jogos fora

“Vamos pensar só no jogo do Santos, sábado. Um time em casa sempre muito forte, vamos nos preparar bem para que esse jogo possamos entregar tudo para que numa oportunidade a gente traga os três. Importante somar, ver os erros, não temos mais brecha nenhuma. Temos a consciência, responsabilidade e vamos em busca do que gostamos de fazer, que é jogar um bom futebol, sorrir”.

O que fazer para voltar ao bom momento

“Primeiro passo é não tomar gol. Percebemos nesse jogo que a equipe que fizesse o primeiro gol sairia vitoriosa. Então é não tomar gol e, assim, as coisas vão acontecer na partida para que a gente possa ganhar um ponto ou somar três pontos. Mais ou menos é isso que pensamos e isso que iremos trabalhar. Vamos juntos”.

Foto: Anderson Stevens/ Sport Recife

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados