conecte-se conosco
Taça do Campeonato Paraibano Taça do Campeonato Paraibano

EstaduaisPBÚltimas

Com realização de Arbitral, Paraibano 2021 deve começar em março

Divulgação

Publicados

em

Após finalizar o ano de 2020 sob forte indefinição, incluindo o risco de não realização, o início de 2021 deve começar a dissipar algumas dúvidas sobre o Campeonato Paraibano. Em entrevista ao NE45, o presidente do Campinense, Phelipe Cordeiro, revelou a possibilidade da realização do conselho arbitral da competição já na próxima semana. Com a tendência do disputa ser iniciada ainda em março.

Leia mais sobre o futebol paraibano

“Hoje houve uma sinalização muito positiva, ainda informalmente, para que o campeonato seja realizado ainda no primeiro semestre. Vamos realizar sim o campeonato”, garantiu o mandatário raposeiro. “Tudo indica que o arbitral vai acontecer já nessa próxima semana. E, da data do arbitral, passe a se contar 60 dias para o início do campeonato. Uma data possível é o dia 14 de março”, completou.

No último dia 14 de dezembro, a maioria dos clubes optou pela não realização do Campeonato Paraibano de 2021 alegando falta de condições financeiras após não receberem os repasses do programa governamental Paraíba Esporte Total, em um montante total de R$ 3 milhões. 

A verba, no entanto, não foi liberada por conta da dívida da maioria dos clubes com o erário público devido a irregularidades apontadas no antigo programa Gol de Placa. Sem realizarem acordos de leniência com o Estado, os recursos voltaram aos cofres públicos como forma de renúncia fiscal. Para 2021, o programa Paraíba Esporte Total será mantido. Mas ainda com a necessidade do acordo de leniência para a liberação dos recursos.

“Mesmo que haja uma diminuição de jogos e também não tenhamos renda de bilheteria, os clubes têm outras ferramentas para motivar o torcedor a gerar uma receita. O que não pode é o clube ficar parado, sem conseguir jogar. Estamos buscando várias ferramentas, dentre elas a transmissão dos jogos, para que a gente possa gerar receitas para os clubes”, finalizou Phelipe Cordeiro.

Trending