conecte-se conosco
João Brigatti, técnico do Santa Cruz João Brigatti, técnico do Santa Cruz

Copa do BrasilPESanta CruzÚltimas

Após classificação, Brigatti exalta superação do Santa em meio à logística: ‘Terrível’

Foto: Rafael Melo/Santa Cruz

Publicados

em

A palavra ‘superação’ foi a tônica do discurso do técnico João Brigatti após a goleada por 4 a 0 sobre o Ypiranga-AP nesta sexta-feira, que rendeu ao Santa Cruz a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil. Muito em parte porque a delegação sofreu emendando viagens em sequência para disputar o confronto, adiado por duas vezes em virtude da pandemia de Covid-19.

Na última quarta-feira, por exemplo, o Tricolor visitou o Fortaleza, no Castelão e, na manhã do dia seguinte, seguiu viagem para o Rio de Janeiro, chegando na capital carioca, portanto, um dia antes do duelo com a equipe amapaense.

“Fizemos uma logística terrível, onde praticamente viajamos o dia todo para chegar no Rio de Janeiro para poder enfrentar o Ypiranga-AP. Acho que principal ponto nessa partida hoje foi a superação, houve um desgaste muito grande de logística. Mesmo você sabendo que tem inúmeras situações que precisa melhorar a equipe, você trabalhando em cima de resultado positivo traz uma tranquilidade para você passar para os atletas o que é necessário ser feito para a equipe encorpar ainda mais”, disse.

Por outro lado, o treinador destacou a importância da sequência de resultados positivos – agora, já são duas vitórias consecutivas -, estancando sangria de seis jogos sem vencer no início da temporada. Sobretudo porque o time volta a campo na próxima quarta-feira – em um cenário completamente favorável -, no clássico contra o Sport, pela Copa do Nordeste, onde busca manter a reabilitação na competição.

“A gente vem de duas vitórias, uma no jogo muito importante, contra o Fortaleza, e agora na Copa o Brasil, frente a uma equipe que se preparou e treinou até mais do que o Santa Cruz devido à logística que tivemos. Impomos o nosso futebol e isso vai passando uma situação de confiança e aceitação que os nossos atletas dão para o nosso trabalho. Nos traz segurança.

Trending