conecte-se conosco
Titi, zagueiro do Fortaleza Titi, zagueiro do Fortaleza

CEFortalezaSérie AÚltimas

Titi, do Fortaleza, comenta sobre pênalti marcado pela arbitragem no jogo contra o Palmeiras: “Querer brigar com a imagem” 

Foto: Reprodução/TV Leão

Publicados

em

Pela Copa do Brasil, arbitragem marcou pênalti polêmico contra o Fortaleza

Na coletiva pré-jogo contra o San Lorenzo, pela 4° rodada da Sul-Americana, nesta quarta-feira, o zagueiro Titi, do Fortaleza, além de falar sobre o confronto na competição continental, aproveitou para citar as polêmicas recentes com a arbitragem. Na derrota para o Palmeiras, pela Copa do Brasil, o árbitro Wagner do Nascimento Magalhães marcou um pênalti questionável de Caio Alexandre sobre Rony nos primeiros minutos de jogo. 

Titi, zagueiro do Fortaleza
Foto: Leonardo Moreira/Fortaleza EC

Questionado sobre a situação, Titi destacou que o Fortaleza foi muito prejudicado com a marcação, porque, apesar de não ter saído derrotado exclusivamente por isso, a penalidade foi determinante para a partida.

“É revoltante e triste ouvir o áudio que saiu agora depois de uma praticamente uma semana após a partida. É querer justificar o injustificável. Olhar a imagem e ver que não tem contato nenhum do nosso atleta com o atleta do time adversário… É querer brigar com a imagem. Não foi pênalti, a gente analisou de vários ângulos”, argumentou.

Titi pontuou que falta “feeling” nos árbitros em utilizar a tecnologia a favor para analisar os lances pelo recurso do VAR e, se necessário, mudar a decisão marcada em campo. Além disso, o zagueiro do Tricolor aproveitou para criticar a demora da CBF em disponibilizar os áudios da cabine do VAR, mesmo com a solicitação rápida do Fortaleza.

Na última terça-feira (23), inclusive, o chefe da comissão de arbitragem da CBF, Wilson Seneme, concordou com a marcação da penalidade. 

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados