conecte-se conosco
Juan Pablo Vojvoda Juan Pablo Vojvoda

CEFortalezaSérie AÚltimas

Fortaleza: Vojvoda reconhece momento ruim na Série A e justifica desgaste

Foto: Bruno Oliveira/Fortaleza

Publicados

em

O Fortaleza segue vivendo momentos distintos na temporada. Após consolidar a sua classificação para as oitavas de final da Libertadores, o Leão do Pici recebeu o Juventude pela Série A e, mais uma vez, saiu de campo sem vencer pelo Brasileirão.

Na entrevista coletiva pós-jogo, o técnico Juan Pablo Vojvoda reconheceu que o Tricolor não vive um bom momento na disputa da elite nacional. Como justificativa, o comandante argentino apontou o desgaste pelo acúmulo de jogos na temporada.

“A realidade é que não estamos bem na tabela. O jogo do time (Fortaleza) não teve o funcionamento que trouxemos nas últimas partidas, acho que no primeiro tempo não tivemos uma circulação e uma mobilidade que nosso time tem”, disse.

“Não é desculpa, mas também a parte física é importante no futebol brasileiro, a intensidade. Jogamos há três dias uma partida muito forte e o Juventude exigiu de nós”, complementou o comandante tricolor.

Vojvoda aproveitou para comparar o desempenho do time diante do Juventude com o que se viu do Fortaleza contra o Colo-Colo, quando o Leão venceu por 4 a 3 fora de casa. Segundo o treinador, faltou a compactação e a intensidade que a equipe apresentou no Chile.

“Isto (que vimos) é o inverso do que aconteceu na partida contra o Colo-Colo. Nós jogamos muito compactos (contra os chilenos) na defesa e tínhamos espaços no ataque. Quando acontece o inverso, temos que encontrar espaços em 40 metros e para isso deixamos muito espaço atrás”, explicou Vojvoda

Por fim, o técnico tricolor reforçou a importância da disputa do Campeonato Brasileiro para o planejamento do clube. Assim, Vojvoda colocou que o trabalho está sendo desenvolvido para que a equipe possa virar a chave e reencontrar o caminho das vitórias.

“Dou o máximo de importância ao Campeonato Brasileiro, estou ocupado permanentemente para virar esta situação na tabela, vai ser difícil, mas vamos virar. É trabalhar e procurar soluções para esta situação também”, finalizou.

Trending