conecte-se conosco
Ilha do Retiro - Foto: Divulgação/Sport Ilha do Retiro - Foto: Divulgação/Sport

CECopa do NordesteFortalezaPESportÚltimas

STJD pode proibir Sport de ter torcida em todos os jogos da Copa do Nordeste; entenda

Foto: Divulgação/Sport

Publicados

em

CBF entrou com uma notícia de infração ao tribunal e procurador do STJD pediu o afastamento da torcida leonina

O Sport pode ter uma punição pesada por conta do atentado contra o ônibus da delegação do Fortaleza, praticado por criminosos ligados a uma uniformizada. Isso porque, após a CBF entrar com uma notícia de infração ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), o procurador-geral do órgão, Ronaldo Piacente, pediu a proibição da torcida leonina em jogos do Rubro-negro pela Copa do Nordeste.

A informação, que foi trazida pelo portal O Globo, também é de ainda não há nada certo sobre ocorrer a proibição, pois o pedido será apreciado pelo presidente do STJD, José Perdiz. Também não existe um prazo para que essa decisão seja tomada.

Para que o pedido dessa proibição da presença da torcida do Sport seja revisto, é necessário que se identifique os criminosos que causaram o atentado contra a delegação do Fortaleza. Enquanto isso, o STJD aguarda o recolhimento de informações sobre o crime.

CBF lamenta atentado a ônibus do Fortaleza após jogo contra o Sport pela Copa do Nordeste 2024
Foto: Divulgação

Saiba mais

Atentado contra ônibus do Fortaleza após jogo contra o Sport

Após o empate em 1 x 1 de Sport e Fortaleza nessa quarta-feira (21), membros de uma uniformizada ligada ao Rubro-negro realizaram um atentado contra o ônibus que conduzia a delegação do time cearense, que havia deixado a Arena de Pernambuco.

Bombas caseiras e pedras foram atirados contra o veículo, que passava pela BR-232 ferindo jogadores com os estilhaços dos vidros estourados das janelas. Todos estão bem, na medida do possível, mas bastante chocados pela ação criminal.

Lateral-esquerdo Gonzalo Escobar ficou entre os mais feridos em ataque a ônibus do Fortaleza
Escobar foi o jogador que mais se feriu no atentado. Foto: Reprodução/Instagram/Marcelo Paz

O lateral-esquerdo Gonzalo Escobar teve um traumatismo cranioencefálico e passará por mais exames, mas encontra-se lúcido e sem sinais de um problema mais grave. Ele também tomou pontos no supercílio e na boca. O goleiro João Ricardo também passou por uma sutura (pontos) no supercílio.

Outros nomes como os zagueiros Titi e Brítez, o volante Lucas Sasha e o lateral-direito Dudu também se feriram com estilhaços de vidro, mas foram atendidos e passam bem. No caso de Titi, ele ainda tem estilhaço preso na panturrilha, num ferimento mais profundo, e passará por exames para avaliar a retirada desse pedaço de vidro.

Números, estatísticas e mais sobre o futebol nordestino: Confira as últimas do Blog de Cassio Zirpoli

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados